Android já alerta para a presença de uma AirTag que não seja tua

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tempo de leitura: 2 minutos
Comentar

A Google prometeu implementar uma solução no Android que permitisse detetar localizadores, tipo a AirTag, que estejam a rastrear indevidamente um utilizador. Agora, através do seu blog, a tecnológica acaba de anunciar o lançamento dessa funcionalidade.

Este novo mecanismo de segurança resulta de um esforço comum entre a Google e a Apple para potenciar a privacidade dos seus utilizadores. O intuito é implementar, ao nível dos seus sistemas operativos, soluções que mitiguem cenários de rastreamento indevido de pessoas ou stalking.

Android recebe sistema de alertas para AirTags desconhecidas nas redondezas

A Apple já disponibiliza uma solução semelhante no iOS e agora é tempo de também o Android ser brindado com o mesmo. Anunciada na edição deste ano da Google I/O, temos agora no Android uma solução que permite detetar rastreamento indevido de pessoas com este tipo de gadgets.

Android AirTag

Por enquanto, a tecnologia implementada pela Google no Android suporta apenas as AirTags da Apple. No futuro, contudo, mais dispositivos serão adicionados conforme a tecnológica norte-americana desenvolver parcerias com mais marcas do setor.

Graças a esta novidade, os utilizadores Android serão automaticamente notificados sempre que uma AirTag de terceiros os seguir. Além de notificar-te para o sucedido, serão apresentadas várias informações adicionais.

Por exemplo, será mostrado um mapa detalhado que permitirá ver em que locais os utilizadores andaram com este localizador estranho. Há ainda uma funcionalidade que fará com que a AirTag emita um som, sem o conhecimento do seu detentor, que permitir saber a sua localização.

Ao encostar uma AirTag à traseira do smartphone serão mostradas informações como o número de série do gadget. Será apresentada ainda informação adicional sobre o seu dono, nomeadamente os últimos quatro dígitos do seu número de contacto.

Este novo mecanismo não foi concebido apenas para detetar a presença de localizadores desconhecidos. Temos igualmente medidas preventivas, como a possibilidade de fazer uma busca pela eventual presença deste tipo de gadgets.

Em caso de desconfiança, ou meramente por curiosidade, os utilizadores podem voluntariamente fazer uma busca para ficarem a saber se têm um localizador por perto. Não estarão limitados ao alerta emitido pelo Android caso tal cenário se verifique.

A Google aproveitou ainda a ocasião para fornecer mais detalhes sobre a rede "Encontrar o meu dispositivo" a estrear este verão. Fica agora confirmado que servirá para encontrar vários tipos de pertences como headphones, telefones, bagagem ou chaves.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
No 4gnews desde 2015, escreve e acompanha as últimas tendências, sobretudo smartphones, para que os leitores estejam sempre bem informados.