OxygenOS Android, OnePlus 6 OnePlus 5T Android Oreo Sandstone
Depois da última edição especial em SandStone White, a tecnológica chinesa está a preparar já o seu sucessor.

OnePlus, uma das fabricantes Android, oriundas da China e que já associamos à expressão “relação qualidade / preço”. Tal como a Xiaomi de Lei Lun, também a OnePlus de Pete Lau e Carl Pei é cada vez mais uma força a ser reconhecida. Agora, debrucemo-nos sobre a sua interface gráfica, a OxygenOS como alternativa ao ambiente de Android puro da Google.

Por cerca de 500€ não há que enganar, o OnePlus 5T supera por larga margem toda e qualquer alternativa presente em loja física. Aliás, por esse valor o melhor que se arranja é um Samsung Galaxy A8 ou Honor View 10 e este último não está presente em Portugal. Nenhum destes smartphones traz uma versão do Android puro tal como a Google o concebe.

Vê ainda: Huawei P20. Já podes descarregar aqui todos os Wallpapers

Para esse efeito já nem os Nexus nos podem socorrer. Com o fim da sua linha ficamos completamente desprovidos de smartphones com Android puro. Agora, temos um Xiaomi Mi A1, de gama média. Em breve, teremos os smartphones Nokia 1, Nokia 7 Plus e vários outros dispositivos da fabricante finlandesa. O primeiro lançado ao abrigo da iniciativa “Go Edition“, o segundo ao abrigo do programa Android One.

Perdoem-me o devaneio, tenho uma tendência inevitável para me afastar do tema central ao providenciar alguma informação contextual. Voltemos as nossas atenções para a OxygenOS utilizada nos smartphones da OnePlus. A sua alternativa ao Android puro da Google.

OxygenOS, a ROM oficial da OnePlus, a sua abordagem ao Android puro da Google

Carl Pei, vice-presidente da OnePlus e co-fundador da empresa juntamente com Pete Lau já é conhecido pelas suas intervenções no Twitter. Através do seu perfil / conta oficial nesta rede social, Pei já nos brindou com várias pérolas. A última sendo a sondagem entre a OxygenOS e o Android puro cujo desfecho irónico deu que falar. Agora, Pei cansou-se deste debate entre Android puro da Google e a sua OxygenOS. Em jeito quase de comédia / sátira resumiu perfeitamente a situação.

OxygenOS é a abordagem da marca ao conceito de Android puro

OnePlus 5T OxygenOS Android puro
Carl Pei, VP e co-fundador da fabricante chinesa.

Note-se que, para além do preço baixo e das especificações de topo, o sucesso da OnePlus deve-se também à sua ROM, à sua interface gráfica (UI). Chama-se OxygenOS para os mercados internacionais e HydrogenOS para o mercado natal, a China. É a abordagem da marca ao conceito de Android puro e caracteriza-se também por ser uma ROM limpa e leve.

1 ano depois, dou por mim a preferir a OxygenOS ao Android puro da Google

Com efeito, apesar de a OxygenOS revestir todos os pontos, parâmetros e funções do Android puro da Google, a ROM da OnePlus não se afasta em demasia da 2ª. Com as devidas adaptações, partilho da opinião de Pei. É uma ROM repleta de pequenas melhorias construídas sob o Android puro, não o tentando substituir mas sim melhorar.

Nos últimos meses tenho utilizado o smartphone OnePlus 5 como meu equipamento diário. Antes disso utilizava um Sony Xperia Z2 nos intervalos em que não estava a testar um smartphone novo. Passariam alguns Google Nexus pelas minhas mãos e tive oportunidade de utilizar o Android puro. Não é de todo uma má experiência mas acaba por não ser a mais…cativante ou sedutora.

Android puro pode ser demasiado…cru!

Entretanto, já mais recentemente, tenho um Xiaomi Mi A1 aqui ao lado e pude novamente utilizar o Android puro da Google – Android One. Mais uma vez, é uma interface até demasiado simples. “Cru”. creio que seja o melhor adjectivo para o estado mais puro deste sistema operativo.

Android puro Google OxygenOS vídeo smartphone resistência à água OnePlus 5T smartphone Android OxygenOS
Escassas horas após ter chegado aos mercados, o novo smartphone já quebrou os anteriores recordes de vendas (na foto temos o OnePlus 5T)

Entretanto utilizaria também a Samsung Experience (interface dos Samsung ou “nova” TouchWiz). A interface da LG (LG UX), a interface da Huawei, a EMUI, entre outras. Sinceramente, acabei por preferir quase todas estas ao Android puro da Google. Note-se que aqui existe uma forte componente subjectiva. Cada utilizador preferirá uma certo esquema de cor, função e produtividade no seu smartphone.

Da EMUI e Samsung Experience à OxygenOS e ao Android puro

Soube reconhecer o valor da Samsung Experience como UI (interface) estável, bem trabalhada, elegante, agora já mais leve e madura. Soube ver a estagnação que é a interface da LG, parada no tempo com as suas animações e esquemas de cor onde domina o pastel. Soube apreciar a abordagem da Sony, não demasiado distante do Android puro mas longe de estar perto deste.

Não testei (para já) a MIUI da Xiaomi, no extremo oposto do Android puro da Google. Todavia, testei durante vários meses a EMUI da Huawei e que grande confusão é esta interface. Na falta de uma melhor descrição, a EMUI é a melhor alternativa para quem quer sair do sistema operativo iOS da Apple. E claro, que não se importe com alguns bugs e imperfeições.

Cada interface tem os seus prós e contras mas acima de tudo reflete o carisma, o espírito da marca que a desenvolve. No caso da OnePlus, a sua OxygenOS parte do Android puro e respeita-o. Não o tenta substituir ou desprezar. Tenta sim, acrescentar mais funções, reforçar os seus melhores aspectos e preencher as possíveis lacunas.

Qual é a tua interface (UI) favorita?

É, para mim, para o meu tipo de uso e preferência pessoal, a interface que mais me agrada. Não é tão crua quanto o Android puro da Google. Não é tão alterada como uma Samsung Experience, LG UX. Não é tão susceptível a bugs (instabilidade) como uma EMUI da Huawei ou MIUI da Xiaomi se bem que esta última tem melhorado consideravelmente.

É também uma das ROM’s mais ágeis no que às atualizações de software e de sistema diz respeito. Algo que pessoalmente valorizo imenso e quase tanto como a estabilidade e fluidez do sistema. É minha opinião que uma marca que não atualiza os seus smartphones não se está pouco importando com os seus consumidores.

E tu, qual é a tua interface favorita?

Assuntos relevantes na 4gnews:

Android vs iOS – Utilizadores Android são mais fiéis ao sistema operativo

Face ID continua longe do Android devido aos custos de produção

Xiaomi Mi MIX e vários Redmi recebem gestos do iPhone X com a MIUI Beta

Fonte | Via

Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).