Amazfit GTR 4 e Amazfit GTS 4: vê as primeiras imagens oficiais e especificações

Bruno Coelho
Comentar

Os Amazfit GTR 4 e Amazit GTS 4 serão os relógios inteligentes de próxima geração da marca da Huami. Num exclusivo do GSMArena, temos agora acesso a imagens oficiais destes produtos ainda não lançados, bem como a algumas especificações.

Estas são imagens de marketing que serão usadas para promover os produtos. Como vem sendo habitual na linha, o Amazfit GTR 4 segue um design circular mais clássico. O futuro modelo tem o nome de código Berlin.

amazfit
Crédito: GSMArena

Amazfit GTR 4 com ecrã AMOLED de 1,43 polegadas

Estará disponível com um ecrã AMOLED de 1,43 polegadas, com construção em alumínio e cor preta ou prateada. Os utilizadores podem contar com braceletes em pele sintética, silicone e nylon.

Crédito: GSMArena
Crédito: GSMArena

Já o Amazfit GTS 4 terá o nome de código Lille. Chegará com um ecrã AMOLED retangular de 1,75 polegadas com construção em alumínio e disponível em preto e dourado. À semelhança do GTR, terá braceletes em pele sintética, silicone e nylon.

Através das imagens partilhadas pela fonte, conseguimos ver ambos os smartwatches em diferentes cenários. Seja num cenário mais caseiro ou de trabalho ou ginásio, estes prometem adaptar-se às várias ações.

Crédito: GSMArena
Crédito: GSMArena

É espero que ambos os relógios cheguem com possibilidade de monitorizar mais de 150 atividades desportivas. Além disso, são esperados com cerca de 200 watchfaces e opções para ecrã sempre ligado.

Ambos os modelos terão microfone e coluna para realizar chamadas Bluetooth

Ambos os modelos serão equipados com coluna e microfone para que possam tocar música e neles se possa atender e realizar chamadas. Chegarão com a interface Zepp OS 2.0 e em algumas regiões com Amazon Alexa integrada

É esperado que o Amazfit GTR 4 chegue com uma bateria de 475 mAH com 12 dias de autonomia e o GTS 4 com 300 mAh para 7 dias de autonomia.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.