Android. ZTE suspende fabrico e venda de smartphonesA ZTE é uma das maiores fabricantes de smartphones Android do mundo. A empresa é muito conhecida pelos portugueses, para além da Huawei, a ZTE entrou quase ao mesmo tempo no mercado português.

Depois dos últimos problemas com o governo de Trump nos Estados Unidos da América, a ZTE não teve outro remédio senão suspender o fabrico e a venda dos seus smartphones.

Vê ainda: ZUK, a sub-marca da Lenovo está de volta ao ”mundo” Android

Depois da ordem de Donald Trump ao banir a empresa de negociar com empresas dos Estados Unidos, a ZTE ficou sem outra hipótese de negócio, afinal de contas, quase todos os seus processadores são da Qualcomm, empresa norte-americana.

A história é comprida e se queres saber mais dá um salto neste artigo. Em forma de resumo, a ZTE enviou produtos dos EUA para o Irão e Coreia do Norte, algo que estava proibido no seu acordo. Foi solicitado que a empresa despedisse todos os envolvidos, em vez disso, a marca chinesa premiou os executivos no caso.

ZTE deixa de fabricar smartphones Android por tempo indefinido

Donald Trump e o governo dos Estados Unidos não gostaram da situação e proibirão todas as empresas americanas de negociar com a ZTE para segurança Nacional. A marca já solicitou a remoção da pena, porém, de nada adiantou.

O caso continua em aberto, porém, até que seja resolvido a marca chinesa deixou de comercializar os seus equipamentos no seu website oficial e revendedores. Esta suspensão não tem data final. Contudo, a medida imposta pelos EUA pode ser válida até 7 anos.

O futuro da empresa asiática é incerto. Embora a marca asiática não tenha um papel forte no nosso mercado, é uma das mais importantes no desenvolvimento de smartphones Android na Ásia.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Samsung Galaxy S9 Lite – Imagens do smartphone revelam design do S8

Xiaomi Mi A1 por 135€! Esta promoção não podes deixar escapar

BQ reforça a sua gama ”alta” com dois novos smartphones Android One

Fonte | Via

Fundador do projeto 4gnews, sempre olhei para a tecnologia como um pedaço de nós. Desde cedo ligado ao mundo tecnológico, este é literalmente o meu trabalho de sonho. Amante de vinho e apaixonado pelo meu Vit. Guimarães, acredito ainda que todas as nossas acções são o gatilho para o nosso futuro.