Huawe-iZTE
Uma empresa para crescer, tem de investir na inovação e desenvolvimento, e com alguma frequência encontramos queixas de usurpação de uma patente. Nos últimos anos foram várias vezes que vimos empresas como Apple e Samsung em tribunal, acusando-se mutuamente. Desta vez o cenário é ligeiramente diferente.

Relacionado: ZTE Nubia Z9 vai oferecer funções especiais através das laterais do ecrã

As duas empresas chinesas ZTE e Huawei estão em disputa, e desta vez não é só nas montras das lojas, agora também é na sala do tribunal. Desde do Honor X2 que, a relação entre as duas deteriorou-se, e parece ter-se agravado com o último  Huawei P8Agora, a ZTE perdeu a paciência  e, colocou a Huawei em tribunal, acusando-a de violação das suas patentes, relacionadas com a camera de Honor X2 (que na Europa é o Huawei MediaPad X2) e também com recente Huawei P8, como deverás saber, é o novo flagship que foi apresentado na semana passada. 

   

 

A ZTE publicou duas cartas que supostamente, terão sido enviadas para os escritórios de advocacia da Huawei. A primeira acusação é relacionada com uma tecnologia com o nome “Slow Shutter and Capture technology” presente novo Huawei P8. A segunda é “imaging and mobile terminal tech” e o alegado infractor é o Huawei Honor X2. A ZTE pretende parar a fabricação dos dispositivos que infringem essas patentes.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Na cópia da denúncia, a ZTE afirma que tem-se comprometido com a pesquisa e desenvolvimento de tecnologias para as cameras dos seus dispositivos, e que este plágio é inaceitável, por isso, decidiu levar o caso até à lei para que haja uma concorrência saudável na indústria.

E o mais interessante nesta situação é que muitos dos principais fabricantes de smartphones chineses por  vezes copiam o design de vários gadgets, mas um litígio entre duas empresas daquele país até agora têm sido muito raro.

Talvez queiras ver:

Diz o que tens em mente nos comentários abaixo. E que tal ajudares um projeto Português? Sabe mais

Queres ser nosso amigo? Segue-nos nos meios de comunicação.

Façam-nos crescer com a vossa participação, nas nossas publicações do site e redes sociais. Partilhem e comentem, ajudem a crescer a tecnologia falada em português e com este espírito de equipe.