Xiaomi usa acidentalmente anúncio da Apple para promover os Mimojis

Bruno Coelho
Comentar

A Xiaomi usou – alegadamente por acidente – anúncios da Apple para promover os Mimojis no seu site. A página de produto do novo Xiaomi Mi CC9 mostrava o anúncio com o avatar do músico Khalid a cantar a música “Talk”. Este mesmo anúncio foi feito pela Apple em fevereiro.

O anúncio foi também descoberto nos sites de retalhistas JD.com e Suning, acompanhado do logo oficial dos Mimojis. De acordo com Xu Jieyun, diretor geral da Xiaomi, tudo se tratou de um acidente, já que o staff da empresa “carregou o conteúdo errado acidentalmente”.

xiaomi mimoji

Xiaomi foi acusada de plagiar a Apple com os Mimojis

Os Mimojis foram, aquando do lançamento da versão renovada, caracterizados como plágio do produto da Apple. A Xiaomi apressou-se a vir dizer que o funcionamento dos dois produtos é diferente, e que as comparações acontecem por ambos serem baseados na palavra emoji.

A Xiaomi já veio entretanto pedir àqueles que a acusam de plágio que apresentem provas. A desculpa de que se trata de carregamento de conteúdo errado é claramente inaceitável, mas a verdade é que a Xiaomi não deve ter problemas legais com esta prática.

Apple não possui patente dos Memojis

A Apple não possui qualquer patente para este conceito de avatares de realidade aumentada. Ou seja, qualquer empresa pode usar o conceito, mesmo sendo acusada de copiar. Embora legalmente a Apple não possa fazer nada sobre o assunto, o vídeo original não deixa dúvidas.

O que são os Mimojis e Memojis

Os Memojis (Apple) e Mimojis (Xiaomi) são avatares de realidade aumentada que os utilizadores podem personalizar para que se pareçam o mais possível com estes. Tal como os originais Memoji (lançados em conjunto com o iPhone X em 2017), a nova versão dos Mimoji também permite aos utilizadores “entrarem” em pinturas famosos.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Ultimate Team é o seu atual saco de boxe, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.