Xiaomi revela facto impressionante sobre o Mi 6. Fazes parte?

Bruno Coelho
Comentar

O ano era 2017 e a Xiaomi não era a fabricante de smartphones com a expressão mundial que é hoje. Foi nesse ano que lançou um dos seus telemóveis de topo mais populares: o Mi 6.

Agora, Lei Jun, CEO da fabricante chinesa, revelou um facto curioso sobre este smartphone na rede social Weibo. Ao que parece, o dispositivo lançado em abril de 2017 ainda é usado por mais de 2 milhões de pessoas.

Xiaomi Mi 6 ainda tem 2,15 milhões de utilizadores ativos

“O Mi 6 é uma geração mágica. Lançado em abril de 2017, passara mais de quatro anos, e ainda existem 2,15 milhões de utilizadores a usá-lo”, escreveu o executivo, antes de questionar os fãs sobre os pontos que mais adoram no equipamento.

Lei Jun revela utilizadores ativos do Mi 6
Lei Jun revela utilizadores ativos do Xiaomi Mi 6

O Xiaomi Mi 6 era comandado pelo processador Snapdragon 835, acompanhado por 6 GB de RAM e 128 GB de armazenamento. No que concerne ao ecrã, tinha um painel IPS LCD de 5,15” polegadas com resolução Full HD.

As margens eram adequadas à altura, e na superior estava uma câmara frontal de 8MP. Na parte de trás estavam duas câmaras: a principal de 12MP, e ainda uma telefoto de 12MP com zoom ótico de 2X.

xiaomi mi 6

Já não trazia entrada para jack 3,5 mm, mas contava com altifalantes estéreo. A bateria era de 3350mAh com carregamento de 18W. Foi lançado com Android 7.1.1 de fábrica, tendo recebido atualizações até ao Android 9.0.

Tudo isto por um valor de 330 euros. Se ainda fazes parte destes mais de 2 milhões de utilizadores ativos do Mi 6, conta-nos a tua história com o equipamento nos comentários.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.