Xiaomi Redmi Note 5 será substituído pelo Xiaomi Redmi 5 Plus

Carlos Oliveira
Xiaomi Redmi 5 Plus Xiaomi Redmi Note 5
Xiaomi Redmi 5 Plus

Certamente se recordarão que durante muito tempo falamos que o futuro Xiaomi Redmi Note 5 traria os ecrãs de margens reduzidas aos equipamentos de gama média desta marca chinesa. Mas a dado momento estes rumores transferiram-se para os Xiaomi Redmi 5 e Xiaomi Redmi 5 Plus que, aliás, foram já apresentados.

Vê ainda: Android é vítima de novo malware, Google Play Store está a salvo!

Estes novos integrantes da linha Redmi contam com todas as linhas estéticas que se esperavam para os novos Redmi Note. Destas destacam-se claramente os seus ecrãs de margens reduzidas, um símbolo que a própria marca introduziu no mercado e que está cada vez mais presente nos produtos das mais variadas marcas.

No entanto, muitos poderão ainda estar reticentes em avançar para a compra de um destes equipamentos pelo simples facto de se ter falado, não há muito tempo, do tal Xiaomi Redmi Note 5. Pois bem, é hoje avançado pelo utilizador mitch002, no fórum da MIUI, que esse mesmo equipamento já se encontra no mercado. Confusos com esta afirmação? Pois então passo a explicar.

Xiaomi Redmi 5 Xiaomi Redmi 5 Plus
Os dois novos smartphones serão sem dúvida bem recebidos, sobretudo nos mercados em desenvolvimento

Segundo aquilo que este utilizador agora clama, a Xiaomi terá desistido da sua linha Redmi Note. Uma das mais bem-sucedidas gamas de smartphones da empresa chinesa terá chegado ao final da sua vida, sem grandes alaridos.

Xiaomi Redmi 5 Plus virá tomar o lugar no mercado do Xiaomi Redmi Note 5

A partir de agora, serão os modelos Plus da linha Redmi que tomarão o seu lugar. Equipamentos com igual potencia e elegância, mas que assim permitirão à sua construtora, de certa forma, retirar uma das suas linhas do mercado.

Se a elegância deste Redmi 5 Plus já foi discutida parágrafos atrás, olhemos agora para as suas especificações. Este smartphone é dotado de um processador Qualcomm Snapdragon 625, precisamente o mesmo SoC utilizado no Redmi Note 4, o que não deixa de ser um pouco estranho.

Temos ainda um novo ecrã de 5.99 polegadas com um rácio de 18:9, o que se traduz numa resolução Full-HD+ de 2160 x 1080 pixels. Para ajudar na gestão de todas as tuas aplicações temos 3GB ou 4GB de RAM, bem como 32GB ou 64GB de memória interna.

Não esquecer ainda sua câmara principal de 12MP, com uma abertura focal de f/2.2 e a sua câmara frontal de 5MP. Na gestão entre o seu hardware o utilizador terás o Android 7.0 Nougat, mascarado pela MIUI 9 e uma bateria de 4000mAh para alimentar tudo isto.

Em suma, todo um leque de especificações a que estamos habituados num smartphone da marca neste segmento de mercado. Embora o facto de se manter o mesmo processador do modelo anterior possa causar alguma estranheza, todas as restantes especificações são condizentes com a gama no qual se inserirá.

Por último, convém reforçar que esta informação carece de confirmação oficial por parte da empresa. Estes dados foram difundidos por um super moderador de um dos fóruns da marca - o que dá uma certa credibilidade à informação - mas que impera ainda a necessidade de uma confirmação por parte da Xiaomi.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Samsung Galaxy A8 2018 e Galaxy A8+ 2018 – as melhores inovações!

Imagem do Nokia 9 revela dupla câmara frontal e margens reduzidas

Samsung poderá lucrar mais do que nunca com o Apple iPhone X

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.