Xiaomi Redmi K30 (Mi 10T): vídeo mostra o smartphone e desilude!

Filipe Alves
4 comentários

Um novo vídeo esclarece-nos exatamente como será o design do novo Xiaomi Redmi K30, terminal que deverá chegar ao mercado europeu como Xiaomi Mi 10T.

Os rumores eram concretos, porém, muitos não queriam acreditar que a Xiaomi realmente mudaria tão drasticamente de design face o antecessor. Pois bem, temos que essas mudanças acontecerão.

Vídeo que nos mostra o Xiaomi Redmi K30 (Mi 10T)

O vídeo tem apenas 6 segundos, porém, conseguimos entender perfeitamente a ideologia de design do novo equipamento. Temos um smartphone grande com uma câmara saliente e um buraco no ecrã.

Podemos também observar que o smartphone serás bem mais espesso do que se imaginava. Ainda assim, vale a pena salientar que a autonomia do dispositivo deverá ser mais do que decente.

Uma traseira questionável

Xiaomi Redmi K30

Na parte traseira temos linhas diferentes do antecessor. Um círculo que nos dá a tal corcunda. O mais intererssante é que por muito que a saliência seja circular, as câmaras são verticais. Algo pouco lógico.

Estas câmaras deverão ser de qualidade relevante. O sensor principal será de 64MP e terá mais 3 sensores a apoiar a fotografia deste smartphone.

Um corte no ecrã e adeus à câmara pop-up

Xiaomi Redmi K30

Algo que gostei no Redmi K20 (ou Xiaomi Mi 9T) foi a câmara pop-up na parte superior. Esta possibilidade dava aos utilizadores de ter um ecrã sem notch ou qualquer tipo de intromissão. Pois bem, tal não acontecerá com este modelo. Vemos uma dupla câmara frontal algo idêntica ao Samsung Galaxy S10+.

Uma decisão que me deixa triste. A solução de pop-up para além de futurista era sem margem para dúvida uma das melhores até ao momento.

Em suma, o Redmi K30 (Xiaomi Mi 10T) será mesmo assim. Não há volta a dar. Resta-nos saber quais as suas especificações. Deveremos ter um modelo topo de gama e um gama média. Ainda assim, o design entre as variantes não deverá mudar.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.