Xiaomi Redmi K20 aparece finalmente no Geekbench e resultados surpreendem!

Vitor Urbano
Comentar

A apresentação do novo Xiaomi Redmi K20 vai acontecer amanhã, mas isso não impede que a menos de 24h do seu lançamento, continuem a surgir novas informações. Depois de dezenas de leaks e rumores que nos revelaram praticamente todos os detalhes do smartphone, agora surgiram os primeiros resultados de performance.

O Redmi K20 surgiu finalmente na plataforma de benchmarks Geekbench, onde podemos ver os seus resultados de performance. Sendo este um smartphone com um processador gama-média, os resultados são impressionantes. Tal como já havia sido referido em várias leaks, este será um dos primeiros smartphones a chegar equipado com o novo Qualcomm Snapdragon 730.

Smartphones gama-média já oferecem tudo o que possas precisar

A evolução nos processadores gama-média tem sido bem acima da média, e o SD730 é prova disso mesmo. O Xiaomi Redmi K20 conseguiu 2574 pontos nos testes single-core e uns impressionantes 7079 pontos nos testes multi-core. Não sendo o suficiente para se colocar lado a lado com a performance do topo de gama SD855, os resultados estão ao nível do ainda popular SD845.

Xiaomi Redmi K20 Geekbench

Em comparação, o Redmi K20 conseguiu apresentar um resultado consideravelmente superior nos testes single-core e um resultado ligeiramente inferior nos testes multi-core. A unidade utilizada nestes testes apresentava um total de 6GB de memória RAM, o que poderá ter influenciado o resultado dos testes, visto que deverá ser apresentada uma variante com 8GB de RAM.

Redmi K20 é um topo de gama disfarçado de gama-média

Habitualmente os smartphones são classificados consoante o processador que têm equipado. Neste caso, um processador da série Snapdragon 800 seria considerado topo de gama, enquanto os que têm um da série Snapdragon 700 são colocados no segmento gama-média.

No entanto, o nível de performance dos ditos 'gama-média' já se coloca num patamar tão elevado, que a maioria dos utilizadores não vai sequer pensar que poderiam precisar de mais. Por isso, parece que cada vez mais devemos focar-nos nas suas restantes especificações para determinar se um smartphone deve, ou não, ser considerado um topo de gama.

Traz especificações de fazer inveja a muitos 'topos de gama'

Nesta situação, não será difícil considerar o Redmi K20 um smartphone topo de gama, basta esquecermos o facto de que chega com o processador Qualcomm Snapdragon 730. O novo smartphone da fabricante vai chegar com um ecrã AMOLED Full HD+ de 6,4" polegadas, sem qualquer notch ou punch hole. Ainda no ecrã, está embutido um leitor de impressão digital de 7ª geração.

Redmi K20

No que respeita às suas memórias, os utilizadores terão à disposição 3 variantes:

  • 4GB de RAM + 64GB de memória interna
  • 6GB de RAM + 128GB de memória interna
  • 8GB de RAM + 256GB de memória interna

As capacidades fotográficas do Xiaomi Redmi K20 vão certamente surpreender muitos utilizadores. Este é o primeiro smartphone da fabricante a chegar com uma tripla câmara traseira. Esta câmara é composta por um sensor principal de 48 megapixels (Sony IMX586), um secundário de 13 megapixels (superwide angle) e um terceiro de 8 megapixels (lente telescópica). Dedicada às selfies, estará uma câmara pop-up de 20 megapixels.

Amanhã será o dia em que o seu preço e disponibilidade será revelado de forma oficial, mas vários rumores apontam para um preço a baixo dos 250€ para a variante mais modesta. Ainda assim, este seria um preço quase impossível de resistir para quem tem um orçamento mais limitado.

Sabe mais sobre o Redmi K20:

Comentar
Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.