Xiaomi prepara-se para lançar um novo smartphone Redmi! Será o Redmi Note 8?

Filipe Alves
Comentar

O Xiaomi Redmi Note 8 poderá ser o próximo smartphone a ser revelado. Pelo menos é o que os rumores mais tem argumentado face as novas informações que a Xiaomi utilizará o novo processador MediaTek para nos dar um smartphone potente e com um preço acessível.

Este novo chip da MediaTek, Helio G90T, oferece uma performance acima da média e ainda permite que os fabricantes introduzam câmaras de 64MP.

Xiaomi Redmi Note 8
Xiaomi Redmi Note 7

Xiaomi Redmi Note 8 pode ser a resposta à Realme e Honor

Com a Honor a atacar na performance no Honor 9X e com o processador Kirin 810 este Redmi Note 8 pode ser a resposta da Xiaomi ao novo equipamento da submarca da Huawei.

Ademais, a Realme também está a dar cartas de sucesso e prepara-se para lançar o primeiro smartphone com uma câmara de 64MP. Ou seja, este novo equipamento da Redmi pode chegar para combater os dois de uma só vez.

Redmi Note 8 pode chegar 7 meses depois do antecessor

Pessoalmente não sou apologista da renovação de equipamentos de 6 meses. Foi esta ideologia que tramou a Sony e que me continua a afastar da OnePlus. Ainda assim, as marcas não se mostram muito preocupadas com isso. Afinal de contas o objetivo é fazer dinheiro. O máximo possível.

A Xiaomi já mostrou no passado que não se preocupa com o tempo de distância entre o lançamento de equipamentos da mesma gama e, ainda que tenha mudado um pouco os seus hábitos antigos, a Redmi quer ganhar um mercado especialmente complicado.

Um mercado de gama média muito mais competitivo que os topo de gama. Assim sendo, é plenamente plausível que estejamos a olhar para o Redmi Note 8.

Embora não seja o maior amante dos processadores MediaTek, a verdade é que a Qualcomm ainda não tem um chip que possa combater este Helio G90T. É certo que a Redmi lançará um smartphone com este chip. Veremos apenas a que tipo de mercado é que o aponta.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.