Xiaomi prepara-se para lançar nova a nova gama Redmi Note 11T

Rui Bacelar
Comentar

A Xiaomi acelerou o seu calendário de lançamentos com a linha Redmi Note a ter agora uma agenda de renovação semestral. Ou seja, os atuais Xiaomi Redmi Note 11 serão substituídos durante o segundo trimestre do ano pela geração Xiaomi Redmi Note 11T.

Tal hipótese já era debatida nas redes sociais nos últimos meses, com novas informações a darem alento a tal possibilidade. Agora, contudo, temos a confirmação pelo próprio responsável máximo da Redmi, Lu Weibing, da existência da nova gama de smartphones.

Em breve teremos os smartphones Xiaomi Redmi Note 11T

Redmi Note 11T

Ainda que não seja propriamente uma surpresa tendo em consideração as revelações prévias, a confirmação da nova gama vem atestar o ritmo acelerado de novos lançamentos no seio da Xiaomi. Mais concretamente, na sua sub-marca e gama dedicada aos smartphones de gama média e custo / benefício.

A partilha em questão, do cartaz promocional acima colocado, ocorreu na rede social chinesa Weibo, feita pelo próprio executivo da tecnológica chinesa liderada por Lei Jun. As informações foram avançadas primeiramente pelo portal MyDrivers, com base no material divulgado através da rede social em questão.

Temos assim a confirmação da existência e futuro lançamento de uma nova gama de smartphones Android a ser liderada pelo modelo Redmi Note 11T Pro. Todavia, contamos também com mais modelos, incluindo a versão base, para acatar diferentes necessidades e escalões de preço.

Contamos com pelo menos dois novos smartphones Android

Redmi Note 11T & 11T Pro Spotted On the 3C certification.⚪Redmi Note 11T22041216C6.6" display144HzDimensity 80004980mAh67W8.8mm⚪Redmi Note 11T Pro22041216UC6.6" display4300mAh120W8.8mm#redmi https://t.co/7N2hwYLQKo pic.twitter.com/aUViWl34pj

— Techy Preacher   👨‍💻 (@TechyPreacher) 1 de maio de 2022

Segundo as fugas de informação o melhor equipamento será o smartphone Xiaomi Redmi Note 11T Pro com ecrã LCD e alta taxa de atualização até 144 Hz. Terá o processador Dimensity 8000 da MediaTek, um chip de gama média / alta da fabricante sediada em Taiwan.

Note-se que este processador usa o processo / litografia de 5 nm da TSMC com quatro núcleos Cortex-A78, bem como quatro núcleos Cortex-A55 com uma frequência de processamento a 2,75 GHz.

Por outro lado, a versão base - Xiaomi Redmi Note 11T - integrará uma bateria de 4 980 mAh de capacidade com carga rápida a 67 W. Já o modelo mais caro terá uma bateria menor, de 4 300 mAh de capacidade, mas mais rápida a carregar com o padrão de carga rápida a 120 W da Xiaomi.

Por fim, a nova gama deve ser apresentada no decurso das próximas semanas, na China. Posteriormente deve chegar à Europa, bem como a Portugal, provavelmente em setembro de 2022.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. Ocupa-se com a atualidade tecnológica na 4gnews. Email: ruibacelar@4gnews.pt