Xiaomi patenteia uns smart glasses com propriedades terapêuticas

Carlos Oliveira
Comentar

A Xiaomi registou recente uma patente para aquilo que poderão ser os seus primeiros smart glasses. De acordo com o documento conhecido, estes óculos inteligentes destacar-se-ão da concorrência pelo facto de possuírem características terapêuticas.

A incursão pelo mercado dos smart glasses não é nova, havendo já algumas marcas com produtos do género no mercado e outras a cogitar a tecnologia. Perante este cenário, a Xiaomi quer diferenciar o seu produto com algo que poderá efetivamente ajudar os seus utilizadores.

Óculos inteligentes da Xiaomi poderão ajudar com problemas visuais e mentais

Na patente submetida pela Xiaomi pode ler-se que este produto poderá ter um papel ativo na deteção e tratamento de algumas patologias. Contudo, os detalhes na forma como este produto alcançará tal objetivo não são muitos.

Xiaomi smart galsses

É sugerido apenas que estes smart glasses poderão emitir alguns sinais que incluem sinais de fototerapia. Estes poderão ser aplicados no tratamento de doenças cerebrais e mentais ou ainda na fadiga ocular.

Tratando-se de uma patente, há ainda muita coisa que fica por esclarecer. Aliás, este documento não significa que a Xiaomi alguma vez venha a comercializar este tipo de produto.

Certo é que se a ideia for para avançar, a Xiaomi terá ainda de lidar com certificados ligados ao ramo da saúde. Estes são habitualmente bastante rigorosos e isso poderá arrastar uma eventual comercialização destes óculos inteligentes.

Importa notar que os pormenores conhecidos acerca deste novo gadget focam-se na componente de saúde dos mesmos. A patente submetida pela Xiaomi carece de detalhes que nos possam elucidar para a componente tecnológica do produto.

Fica assim a dúvida se estes smart glasses serão apenas para tratamento de doenças ou se também terão direito a outras funcionalidades tecnológicas. Pormenores que serão descobertos caso a Xiaomi avance mais com esta ideia.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.