Xiaomi Mi Pad 5: preço será um dos seus grandes trunfos

Carlos Oliveira
Comentar

Já não há dúvidas de que a Xiaomi prepara-se para regressar ao mercado dos tablets Android. Esse regresso acontecerá em agosto com a apresentação da linha de produtos Xiaomi Mi Pad 5.

Após já termos falado várias vezes sobre as suas especificações, é tempo de olharmos com maior atenção para o seu preço. Como é apanágio da marca chinesa, este promete ter uma relação entre qualidade e preço muito apetecível.

Xiaomi Mi Pad 5 poderá começar nos 260 €

Um novo relatório que está a ser veiculado pela Gizmochina afirma que o Xiaomi Mi Pad 5 começará abaixo dos 1999 yaun. Uma conversão direta deste valor aponta para o equivalente a 260 €.

Claro que este é o valor apontado para a China e é possível que o mesmo seja inflacionado assim que chegue oficialmente à Europa. Mesmo que o Xiaomi Mi Pad 5 comece na casa dos 300 €, continuará a ser um preço impressionante para o que oferece.

Relembro que o Xiaomi Mi Pad 5 deverá ser lançado em três versões distintas, atendendo a diferentes públicos e necessidades. O modelo do meio foi hoje partilhado na rede social Weibo e apresenta-se conforme poderás ver imediatamente abaixo.

Xiaomi Mi Pad 5

A imagem partilhada comprova que mesmo o modelo intermediário terá um aspeto bastante elegante, esperando-se dos restantes algo muito similar. Apesar do seu preço em conta, a elegância é inequívoca.

O seu ecrã com margens bem reduzidas será um IPS LCD com uma taxa de atualização de 120Hz. Contará com uma resolução 2K, numa diagonal esperada de 10,95" polegadas.

Os seus 4096 níveis de pressão serão preponderantes para uma excelente experiência de utilização com a sua caneta ou stylus. Um acessório que estamos habituados a ver em tablets com preços bem superiores ao que se espera para o Xiaomi Mi Pad 5.

A controlar todas as operações é esperada a presença do processador Qualcomm Snapdragon 870 na versão topo de gama do Mi Pad 5. As demais deverão contar com os processadores Snapdragon 860 e Snapdragon 768G.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.