Xiaomi Mi 12 Ultra trará câmara fotográfica inédita num smartphone Android

Rui Bacelar
Comentar

A geração de smartphones Xiaomi Mi 12 deve ser apresentada ainda em 2021, entre os meses de novembro e dezembro de acordo com as fugas de informação. Contamos com o modelo base - Xiaomi Mi 12 - bem como a versão de topo, o Xiaomi Mi 12 Ultra.

Tal como o Mi 10 Ultra e Mi 11 Ultra, será no modelo Ultra que ficaremos a conhecer as tecnologias de ponta que a fabricante se propõe a colocar no mercado. Assim, tal como o Mi 11 Ultra, também o Mi 12 Ultra deverá surpreender na câmara fotográfica.

A geração Xiaomi Mi 12 deve ser apresentada ainda em 2021

Xiaomi Mi 12 Ultra
Sugestão de aspeto e design geral para o smartphone Xiaomi Mi 12 Ultra.

Recordamos que o smartphone Xiaomi Mi 11 Ultra foi apresentado em março de 2021, destacando-se não só pelo poder de processamento, mas sobretudo pela fotografia. É, com efeito, um dos melhores telemóveis para fotografia segundo a DxOMark.

No atual smartphone - Mi 11 Ultra - temos um design peculiar com ecrã secundário na traseira, bem como um imponente módulo fotográfico composto por vários sensores de imagem e respetivas objetivas. É esta câmara que organiza o seu design.

Posto isto, para o seu sucessor contamos com uma ideologia similar, dando primazia à câmara fotográfica no Xiaomi Mi 12 Ultra, tal como vários fãs da marca a alguns leakers fazem circular na Internet. Aliás, acima vemos uma sugestão do seu aspeto geral.

O Xiaomi Mi 12 Ultra trará o processador Snapdragon 985 da Qualcomm

Xiaomi Mi 12 Ultra
Publicação do leaker Digital Chat Station na plataforma Weibo.

A indicação do processador não suscitou surpresa junto dos fãs da Xiaomi. Historicamente a fabricante chinesa tem mantido uma estreita cooperação com a norte-americana Qualcomm, pelo que a presença do Snapdragon 895 no Mi 12 Ultra é uma certeza.

Há, no entanto, novas informações alusivas ao quesito mais importante deste smartphone, a sua câmara fotográfica. As informações são agora divulgadas pelo leaker Digital Chat Station, fonte chinesa com ótimo histórico de fiabilidade no mercado mobile.

Assim sendo, contamos com uma câmara principal de 192 MP de resolução que a fabricante divulgará como sendo uma câmara de 200 MP para efeitos de marketing. Será, portanto, o primeiro smartphone do mundo com câmara de "200 MP".

Mais importante que a resolução é, contudo, o tamanho do sensor. Segundo o relato, este será um sensor de imagem com 1 polegada de diagonal, isto sim, digno de nota uma vez que se traduzirá em imagens com maior qualidade.

Toda a atenção para a câmara fotográfica do Xiaomi Mi 12 Ultra

Xiaomi Mi 12 Ultra
Publicação do leaker Digital Chat Station na plataforma Weibo.

O sucesso do modelo atual - Mi 11 Ultra - terá motivado a Xiaomi a dedicar grande atenção ao seu sucessor, o futuro Xiaomi Mi 12 Ultra. O telefone terá uma câmara principal de "200 MP", bem como uma câmara secundária 50 MP com ampliação ótica (zoom ótico) de 5x numa disposição periscópica das suas lentes. Terá também uma objetiva ultra-grande angular.

Recordamos ainda que o Mi 11 Ultra é atualmente o segundo melhor telemóvel para fotografia de acordo com a DxOMark. Foi recentemente superado pelo Huawei P50, smartphone que não pode ser adquirido fora da China.

Em síntese, para quem já está à espera do próximo grande colosso fotográfico, o Xiaomi Mi 12 Ultra será o smartphone a comprar. A sua câmara combinará 16 pixeis em 1 (tecnologia pixel binning) e produzirá imagens com 12 MP de resolução.

Ao mesmo tempo, contamos também com a câmara fotográfica frontal embutida no ecrã, tal como no Mi MIX 4. Terá também o carregamento rápido a 120 W via cabo USB do Tipo C, bem como carregamento a 100 W, sem-fios.

Por fim, não temos ainda uma previsão para a sua data de apresentação, ainda que tal possa vir a ter lugar no final de 2021, ou inícios de 2022. De igual modo, o seu preço de venda ao público permanece uma incógnita.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.