Xiaomi Mi 11 Ultra será o primeiro a usar o sensor de 50MP da Samsung

Carlos Oliveira
Comentar

A Xiaomi e a Samsung têm uma parceira de longa data para a estreia dos novos sensores fotográficos da sul-coreana. Aconteceu com o primeiro sensor de 108MP da coreana, mas outros haviam precedido esse feito.

O próximo capítulo dessa história engloba o novíssimo sensor de 50MP da Samsung apresentado hoje. Segundo Ice Universe, o Xiaomi Mi 11 Ultra irá contar com esta lente na sua poderosa câmara fotográfica.

GN2→Mi11 Ultra

— Ice universe (@UniverseIce) 23 de fevereiro de 2021

Xiaomi Mi 11 Ultra contará com o sensor Samsung ISOCELL GN2 de 50MP

A indicação de Ice Universe corrobora os rumores já conhecidos acerca da câmara do Mi 11 Ultra. Nos últimos tempos, falou-se que o topo de gama da Xiaomi viria com uma lente principal de 50MP, uma grande angular de 48MP e uma telefoto de 48MP.

Assim sendo, sabe-se agora que a lente principal do Xiaomi Mi 11 Ultra será fabricada pela Samsung. Desta lente, apresentada hoje, esperam-se melhorias significativas no campo da focagem e qualidade das imagens, sobretudo em condições de pouca luminosidade.

O novo sensor Samsung ISOCELL GN2 apresenta um tamanho de 1/1.2" e pixels com uma dimensão de 1.4 micron. Apesar de ter uma resolução máxima de 50MP, este conseguirá captar imagens de 100MP graças a alguns truques de software.

No que concerne à gravação de vídeo, destacam-se as suas capacidades de gravação em câmara lente, Com o Samsung ISOCELL GN2 será possível gravar em 4K a 120fps ou em 1080p a 480fps.

Xiaomi Mi 11 Ultra surpreende com o seu enorme módulo fotográfico traseiro

Xiaomi Mi 11 Ultra

As primeiras imagens do alegado Xiaomi Mi 11 Ultra surpreenderam sobretudo pelo módulo traseiro que apresentou. Além de ir praticamente de uma extremidade à outra do seu corpo, apresenta um relevo difícil de ignorar.

Sabendo agora a dimensão do novo sensor da Samsung, que deverá ser usado no Mi 11 Ultra, não é de admirar aquela saliência. Ademais, a Xiaomi optará pela inclusão de um ecrã secundário embutido nesse módulo.

Aqui é onde o Xiaomi Mi 11 Ultra se destacará inequivocamente dos seus concorrentes, pelo menos por enquanto. Esta abordagem é verdadeiramente surpreendente e veremos que vantagens trará ao utilizador.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.