Xiaomi Mi 10 e Mi 10 Pro já venderam mais de 1 milhão de unidades

Carlos Oliveira
1 comentário

O mercado de smartphones tem vindo a cair nos últimos trimestres e essa tendência parece ter-se agravado com a pandemia Covid-19. No entanto, temos marcas como a Xiaomi que conseguem remar contra a maré, mesmo nestes tempos difíceis.

Através da rede social chinesa Weibo, o vice-presidente da Xiaomi revelou que os Mi 10 e Mi 10 Pro já superaram a barreira de 1 milhão de unidades vendidas. Números impressionantes dada a realidade dos dias atuais e que foram registados dois meses apenas após o lançamento dos equipamentos.

É importante reforçar que estes números englobam as duas versões dos novos topos de gama da Xiaomi. Não sabemos, no entanto, qual dos dois modelos tem sido o mais procurado pelos consumidores.

Xiaomi Mi 10

Xiaomi Mi 10 e Mi 10 Pro são smartphones impressionantes

A Xiaomi sempre nos apresentou equipamentos com uma qualidade incrível e preços bem apelativos. Ao longo dos últimos anos, a chinesa tem aprimorado ainda mais a qualidade dos seus equipamentos para patamares que os colocam bem lá em cima.

Infelizmente, isso tem tido repercussões nos preços de venda e o Xiaomi Mi 10 Pro é um excelente exemplo. Este equipamento será vendido na Europa a 999€, um valor acima do Samsug Galaxy S20, por exemplo.

O equipamento tem qualidade, isso ninguém pode negar, contudo, deixou de ter um preço de arromba como os seus antecessores. No entanto, é importante notar que estes números de vendas ainda não refletem a Europa e que na China o Xiaomi Mi 10 Pro começa nos 658€.

Chegada do Xiaomi Mi 10 Pro a Portugal ainda é uma incógnita

Embora os Xiaomi Mi 10 e Mi 10 Pro já tenham sido apresentados na Europa, ainda não sabemos quando chegarão às nossas lojas. Atualmente, as Mi Store nacionais têm o Xiaomi Mi 10 em pré-venda, mas do modelo Pro ainda não há sinal.

Este atraso poderá estar relacionado com a pandemia do Covid-19 que tem parado muitas empresas pelo mundo fora. Quando estes equipamentos estiverem disponíveis para compra, será interessante medir a sua popularidade no nosso país.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.