Ao efetuar uma compra através dos links deste artigo, o 4gnews pode ganhar uma comissão. Conheça o nosso processo de seleção de produtos.

Xiaomi lança carregador rápido e barato que vais querer ter

Bruno Coelho
Comentar

Esta semana a Xiaomi apresentou a série Mi 10T de smartphones e o novo Mi Watch. Mas quase de mansinho, a fabricante chinesa aproveitou também para apresentar um novo carregador de 65W.

Trata-se do Xiaomi 65W Fast Charger. Este tem como grande destaque a tecnologia GaN (nitreto de gálio), que lhe permite não só ser bastante compacto, como ter mais eficiência que os carregadores comuns de silício (silicon).

Xiaomi 65W Fast Charger chega à Europa por 29.99€

Foi anunciado para o mercado europeu por um preço de 29.99€, que não é totalmente descabido dada a sua velocidade de carregamento. E com este podes não só carregar smartphones, como também computadores portáteis ou uma Nintendo Switch de forma bastante rápida.

Tendo em conta a sua capacidade de carregamento, este é um produto bastante compacto face à tecnologia envolvida. O tamanho surpreende bastante quando olhamos para os seus números.

Para alcançar estas velocidades, deves ter em conta que o cabo de carregamento usado terá de ser compatível (como o que será o incluído na caixa). E claro, a entrada no carregador é USB-C.

Este produto foi anunciado pelo referido preço de 29.99€, mas não foi revelado quando vai ficar disponível no mercado. Até lá, se procuras um produto semelhante, aconselho este carregador da Baseus (marca que faz parte do ecossistema Xiaomi Youpin), que tem a mesma tecnologia GaN e onde podes carregar mais que um equipamento em simultâneo.

Editores 4gnews recomendam:

  • Xiaomi Mi 10T Lite é oficial: o novo ‘rei’ da gama-média chegou
  • Xiaomi Mi Watch é oficial e chega com promessas de gigante por apenas 99 euros!
  • Xiaomi Mi 10T e Mi 10T Pro são oficiais: os topos de gama imperfeitos
Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.