Xiaomi falha objetivos de venda de smartphones em 2015, mesmo com um número fantástico

Filipe Alves

Redmi Xiaomi 4gn

A Xiaomi é uma das marcas #chinaaopoder mais respeitadas do mundo, a empresa com o "Tio Hugo Barra" na Vice-Presidência foi conseguindo conquistar o mercado nos últimos anos, mas 2015 não foi propriamente feliz.

A Xiaomi é bem mais do que smartphones, no entanto analistas acreditam que a venda de equipamentos móveis seja 90% do negócio da empresa, por isso podes imaginar o quão um ano mau se pode refletir na economia da companhia.

Segundo o relatório de vendas da Xiaomi a empresa conseguiu em 2015 vender cerca de 70 milhões de smartphones, um número impressionante, mas abaixo do esperado 80 a 100 milhões.

Segundo o gráfico abaixo embora 2015 tenho tido um crescimento relativamente a 2014, a percentagem de crescimento é menos amplificada, isto é, ganharam mais dinheiro mas mesmo assim não conseguiram surpreender como nos anos anteriores.

xiaomi vendas

Analistas acreditam que a entrada da empresa nos EUA está iminente mesmo com o problema das patentes. Problema este que também lhes vai castigando no mercado Indiano onde não podem comercializar smartphones com processadores da MediaTek.

Lembro ainda que me 2015 a Xiaomi não apresentou o tão esperado flagship e isso afetou claramente as suas vendas.

Talvez queiras ver:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.