Xiaomi doa 1 milhão de euros às vítimas das cheias na Europa

Bruno Coelho
Comentar

A Cruz Vermelha Alemã, o Fundo Nacional Holandês para Desastres Giro 777 e a Cruz Vermelha Belga vão receber um impulso financeiro por parte da Xiaomi. A tecnológica chinesa anunciou a doação de 1 milhão de euros para ajudar as vítimas de cheias que assolaram estes países.

O comunicado oficial da Xiaomi vem assinado por Lu Weibing, presidente do departamento internacional da marca. Este afirma-se “chocado com a escala deste desastre natural” que ocorreu na Europa.

"Sentimo-nos muito ligados às pessoas locais", afirma Lu Weibing

The Xiaomi Foundation announced that it is donating 1 million euros to the victims of the floods in Germany, the Netherlands, and Belgium. Our hearts are with everyone affected by this natural disaster.https://t.co/6m4SJpsBWc

— William Lu (@WilliamLuXiaomi) 20 de julho de 2021

“Estamos muito próximos das regiões afetadas na Alemanha, Holanda e Bélgica e faremos a nossa parte para ajudar as pessoas de lá, pois já estamos nesses países há muito tempo e sentimo-nos muito ligados às pessoas locais”, escreve o executivo.

“Portanto, decidimos doar um total de um milhão de euros para a Cruz Vermelha Alemã, o Fundo Nacional Holandês para Desastres Giro 777 e a Cruz Vermelha Belga por meio da Fundação Xiaomi”, esclarece.

A marca fala ainda do passo dado para “comprar e doar um grande número de equipamento médico para apoiar a província de Hubei na China e mais de 30 países e regiões ao redor do mundo”, face à pandemia de Covid-19. Entre outros, a Xiaomi terá enviado material médico para Reino Unido, França, Alemanha, Itália, Espanha, Bélgica e Luxemburgo.

Caso queiras saber mais sobre o gesto da Xiaomi, podes ler o comunicado oficial.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.