Xiaomi coloca Mi MIX Fold à prova em teste “louco”

Bruno Coelho
Comentar

O Mi MIX Fold foi apresentado pela Xiaomi no final deste mês de março. Este marca não só o regresso da adorada linha Mi MIX, como se configura como o primeiro smartphone dobrável da fabricante.

Como qualquer smartphone com este conceito, surge a dúvida: é resistente o suficiente? Focada em colocar o terminal à prova, a Xiaomi iniciou aquilo que o CEO, Lei Jun, classifica como um teste “louco” de resistência.

Teste de dobragem ao Xiaomi Mi MIX Fold será transmitido ao vivo

Na China, a Xiaomi vai realizar um vídeo ao vivo 24 horas ininterruptamente, durante uma semana. O smartphone será dobrado a cada 1,6 segundos, testando a sua capacidade de resistir à passagem do tempo.

Xiaomi Mi MIX Fold em teste de dobragem durante uma semana. Prova será transmitida ao vivo
Xiaomi Mi MIX Fold em teste de dobragem durante uma semana. Prova será transmitida ao vivo

O objetivo da Xiaomi é mostrar que o smartphone poderá ter um ciclo de vida equivalente a 10 anos. E pelo menos no país, será possível assistir à transmissão a partir desta quinta-feira.

Este tipo de testes feitos com um engenho próprio para o efeito, são um habitué no que diz respeito a smartphones dobráveis. A grande novidade está na transparência de a Xiaomi estar disposta a transmiti-lo ao vivo.

Será interessante perceber, dentro de uma semana, como se portou o smartphone. Para bem da credibilidade, é bom que consiga atingir essa marca de forma imaculada.

Recorde-se que o Xiaomi Mi MIX Fold é a nova coqueluche da Xiaomi. Foi apresentado com um ecrã principal de 8,01" polegadas e um ecrã exterior de 6,52" polegadas quando dobrado. É comandado pelo processador Snapdragon 888, e tem uma bateria de 5020mAh com carregamento rápido de 67W. A câmara principal é de 108MP. Será comercializado na Europa por valores a começar nos 1299 €.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.