Xiaomi Civi S: especificações divulgadas mostram um smartphone com nada de novo

Mónica Marques
Comentar

De acordo com informações agora divulgadas, a Xiaomi pode lançar muito em breve o modelo Civi S.

Foram também já adiantadas algumas das especificações que podemos esperar ver no novo terminal da marca chinesa, mas as expetativas terão que ser moderadas, visto que o novo Civi S não traz nada de novo em relação ao seu antecessor.

Xiaomi Civi S herda demasiadas especificações do seu antecessor

Xiaomi Civi
Um dos principais atrativos do Xiaomi Civi é o seu design elegante

Ao que tudo indica, a Xiaomi está já a preparar o lançamento do novo Civi S que deverá chegar ao mercado – pelo menos na China – muito em breve. Agora começam a circular informações sobre as especificações que o modelo vai trazer consigo.

E tudo o que se sabe até agora aponta para um terminal que vai herdar demasiadas especificações do seu antecessor Civi, contando apenas com um ou outro apontamento ligeiramente diferente, mas sem o tão ansiado fator X que conquista de imediato os utilizadores.

Segundo as informações divulgadas, o Civi S vai chegar com um ecrã AMOLED de 6,55 polegadas com uma resolução Full HD+ e uma taxa de atualização de 120 Hz. A única diferença a apontar em relação ao seu antecessor é que o Civi está equipado com um ecrã OLED.

Na parte ótica, o novo Civi S vai integrar uma câmara frontal de 32 megapixéis e uma configuração traseira com um sensor primário de 64 megapixéis, um ultrawide de oito megapixéis e um terceiro sensor de dois megapixéis de resolução. "Fórmula" usada pela Xiaomi no anterior Civi.

Xiaomi Civi S pode diferenciar-se do antecessor num pormenor importante

No que diz respeito ao processador, o Civi S vai chegar equipado com o Snapdragon 778G Plus – o modelo Civi tem o Snapdragon 778G –, mas deverá ser disponibilizado nas mesmas variantes do modelo anterior, ou seja, com 8 GB ou 12 GB de memória RAM e com 128 GB ou 256 GB de armazenamento interno.

Mas o novo Civi S pode distinguir-se do modelo antecessor numa especificação importante. Deverá chegar equipado com a mesma bateria de 4.500 mAh, mas o suporte de carregamento rápido pode ser de 67 watts contra os 55 watts do terminal anterior.

Pode não parecer uma diferença substancial, mas tal significa que vai reduzir o tempo de carregamento rápido de 45 minutos do Civi, o que pode ser muito útil em caso de o utilizador necessitar de fazer um carregamento de emergência.

Não estão disponíveis mais informações sobre a data prevista do seu lançamento ou preço e ainda menos sobre a possibilidade de chegar ao mercado global, mas é provável que nos próximos tempos mais revelações sejam feitas.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.