Home Android

Xiaomi Black Shark será tão ou mais poderoso do que o OnePlus 6

O próximo "tubarão negro" da tecnológica chinesa estará equipado com o mais poderoso "dragão" da norte-americana Qualcomm.

Xiaomi Black Shark OnePlus 6 Huawei P20 Pro Xiaomi Portugal oficialmente
A fabricante chinesa poderá chegar oficialmente a Portugal já durante o ano de 2018. ©reuters

Pensa em pontuações de benchmarks (AnTuTu, GeekBench,etc). Qual é a primeira marca / fabricante que vos surge no pensamento? Entre a OnePlus e a Xiaomi teremos um bom empate. Sabemos que ambas as fabricantes chinesas frequentemente se degladiam para chegar ao topo das tabelas destes testes e pontuações de benchmarks. Todavia, o novo Xiaomi Black Shark poderá superar até a próxima arma da OnePlus, o OnePlus 6.

Em primeiro lugar cumpre mencionar que a Black Shark Technology Incorporated é uma das novas sub-marcas da Xiaomi. Empresa, sob a alçada da Xiaomi que se estará a preparar para lançar um novo smartphone para jogos. Um dispositivo móvel para os gamers e para toda a comunidade Gaming. Chamar-se-á Black Shark e já começaram as suas fugas de informação na Internet.

Vê ainda: Xiaomi Mi 7 seguirá a Apple, a Huawei, ASUS e até mesmo o OnePlus 6

Note-se que já no passado as fugas de informação e rumores sugeriam a presença do processador Snapdragon 845 da Qualcomm neste Xiaomi Black Shark. Será também utilizado no Xiaomi Mi 7, no Mi MIX 2S, no OnePlus 6 e vários outros topos de gama Android durante o ano de 2018.

Agora, para desfazer qualquer dúvida que pudesse restar, a própria empresa veio a público confirmar a presença deste componentes. Note-se que o processador, plataforma móvel ou SoC (system on chip) é sempre o componente mais importante de um dispositivo móvel. A partir daí define-se o seu potencial e as suas capacidades.

Xiaomi Black Shark e OnePlus 6, duas “Bestas”

Será um duelo extremamente cativante entre o OnePlus 6, o próximo topo de gama da OnePlus e este Xiaomi Black Shark. Dois colossos que deverão estar recheados com vários GB’s de memória RAM, pelo menos 8GB. Caso os rumores tenham algum fundamento de verdade então teremos também 128 a 256GB de armazenamento interno no OnePlus 6. Características que o colocarão para a par com este smartphone Gaming da Xiaomi. Chegará para conquistar os novos e antigos fãs da marca.

OnePlus 6 Xiaomi BlackShark Android smartphone
Chegará durante o ano de 2018 e será um dos maiores rivais para o OnePlus 6 e demais topos de gama Android.

Snapdragon 845 da Qualcomm, nos OnePlus 6 e Xiaomi Black Shark

Este será o mais popular processador ou “coração” para os topos de gama de 2018. Está também presente nos Samsung Galaxy S9 e Samsung Galaxy S9 Plus, nas variantes chinesas e norte-americanas. Para todos os efeitos, graças também à gráfica Adreno 630, algo crucial para o Xiaomi Black Shark, o smartphone para gamers.

Para além disso, ficamos também a saber que a marca utilizará um novo “modo de software” dedicado aos jogos. Um novo hub ou centro de jogos que agregará algumas funções e definições úteis para os jogadores. A OnePlus tem também uma função semelhante na sua OxygenOS, o “Modo de Jogo”. Algo que certamente estará presente no próximo dispositivo, o OnePlus 6.

Mais ainda, o CEO (diretor) da empresa anunciou recentemente um concurso, na rede social chinesa, Weibo, onde 3 pessoas poderão ganhar este smartphone. O mesmo termina no dia 30 de março pelo que o terminal em si, o Xiaomi Black Shark já deve estar pronto e a ser produzido em massa.

O que trará de novo este Xiaomi Black Shark?

As suas características técnicas serão bem semelhantes às do OnePlus 6. Em primeiro lugar teremos um ecrã de resolução Full-HD+ com o formato 18:9, portanto 2160 x 1080 pixéis. Em segundo lugar teremos um total de 8GB de memória RAM (tal como no OnePlus 6). A quantidade de memória interna ainda não está definida mas terá certamente mais do que 32GB. Este seria o valor inicialmente registado na AnTuTu, todavia acredita-se que tal pertença a um mero protótipo de testes.

O “Dragão” e o “Tubarão”

OnePlus 6 Xiaomi Black Shark Android
O equilíbrio entre o dragão da Qualcomm e o tubarão da Black Shark no “teaser” oficial da marca.

Aos consumidores deverá chegar um terminal com pelo menos 64GB ou 128GB de armazenamento interno. Terá a possibilidade de expansão de memória através de um cartão de memória microSD para se adaptar às necessidades de cada utilizador em particular. Algo que não deveremos ter no OnePlus 6.

Android Oreo no Xiaomi Black Shark e OnePlus 6

O seu sistema operativo, sem grandes surpresas, será o Android Oreo 8.0 da Google e aqui poderemos ter algumas diferenças entre os smartphones. Mais concretamente a nível da UI ou interface. O OnePlus 6 trará a sua OxygenOS ao passo que o Xiaomi Black Shark estará, muito provavelmente, equipado com a MIUI da marca.

Poderemos contar com um display com uma taxa de refresh ou refrescamento dos pixéis com uma frequência de 120Hz? Algo que caracteriza o primeiro smartphone do mundo a estar completamente preparado para jogos, o Razer Phone. Para já é apenas uma hipótese como tantas outras.

Mais ainda, todo o segmento de smartphones dedicados ao Gaming de nivel profissional continua a ser um pequeno nicho. Pessoalmente creio que nem mesmo o OnePlus 6 se arrogará como smartphone para jogos. Será sim, um topo de gama genérico, capaz de dar conta de tudo aquilo que dele exijas. O mesmo poderá certamente ser dito sobre o dispositivo da Xiaomi.

Esperemos para ver o que o futuro nos reserva.

Assuntos relevantes na 4gnews:

XiaomMi Mix 2S: Pequeno vídeo mostra como será o novo smartphone

OnePlus 6. Poderá este ser o próximo topo de gama Android?

MIUI 9.5 com bugs. Solução é desativar os Serviços Google 

Fonte | Via

Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).