Microsoft Windows 8 já tem os dias contados

Daniel Pinto

O Windows 10 da Microsoft completa quatro anos de vida em 2019, mas parece que quatro anos é o tempo de vida das duas versões anteriores do Windows ou, pelo menos, do 8.1.

Com efeito, uma nova nota da própria empresa comprova que as atualizações para as suas aplicações só serão distribuídas até 1 de julho de 2023. Logo, aquilo que acontecerá com o Windows 8.1 será o que já será aplicado já este ano, também no dia 1 de julho, nos dispositivos com Windows 8 e Windows Phone 8 e restantes versões.

Windows 8

Verdade seja dita, não há grandes prejuízos no que concerne à base instalada de utilizadores, dado que, somados, a nível mudial, os dois contam com uma quota de mercado de pouco mais de 5%. Isto é, não se pode dizer que serão muitos os prejudicados por tal medida.

Windows 8 e 8.1 foram irreverentes quanto baste!

Todavia, de uma outra perspetiva, as duas versões referidas do sistema operativo da empresa norte-americana foram bem mais relevantes do que se possa imaginar. Afinal, olhando principalmente para o Windows 8, a sua irreverência foi única. O minimalismo a ele associado levou a que outros softwares concorrentes também o adotassem e, por outro lado, que os dispositivos Windows se modernizassem.

Ainda que não existissem como hoje, isto é, com ecrãs táteis e cada vez mais móveis, a verdade é que foi a introdução do sistema abordado que acabou por acelerar esse processo. E claro, preparou o Windows 10 para que este tivesse um percurso bem mais simples no que toca a essa adaptação.

Mesmo assim, a verdade é que serão muito poucos os utilizadores que realmente sentirão a diferença na perda de suporte destas versões do sistema da empresa de Redmond. Por último, se ainda tens um equipamento desses, sugerimos que equaciones a sua troca se assim o puderes.

Editores 4gnews recomendam:

Fonte