WhatsApp recebeu uma funcionalidade que muitos ansiavam!

Filipe Alves
Comentar

Chegou a nova funcionalidade de pesquisa no WhatsApp. A maior aplicação de comunicação do mundo melhora (e muito) a forma de pesquisa informações dentro da aplicação.

A nova forma de pesquisa é categorizada e vais ter uma maior facilidade para encontrar um tipo de documento perdido ou vídeo que foi enviado há algum tempo.

Nova forma de pesquisa do WhatsApp

WhatsApp

Ao abrires a aplicação tens os chats logo na primeira página. Só precisas de clicar na lupa e verás as categorias de pesquisa. Podes escrever o que procuras à mesma, porém, podes categorizar a tua pesquisa para encontrares a informação de forma mais rápida e eficiente.

A nova forma de pesquisa está disponível para todos os utilizadores. Confirma apenas que tens a aplicação atualizada na Google Play Store ou Apple App Store.

Esta novidade chegou à versão beta em agosto. Assim sendo, podemos dizer que o WhatsApp está a melhorar consideravelmente o tempo de espera entre funcionalidades que chegam à Beta e passam para a versão pública.

WhatsApp ainda tem muito a melhorar

WhatsApp

Pessoalmente até gosto do WhatsApp. Principalmente pela possibilidade de ter conversas encriptadas. Porém, temos de admitir que a aplicação tem muito a melhorar. O Telegram, por exemplo, tem mais funcionalidades e é tão (ou mais seguro) que o WhatsApp.

Já as videochamadas ou chamadas de voz do WhatsApp estão longe (anos-luz) de ter a qualidade de imagem e som que as do Google Duo.

Compreendemos que não deva ser simples a implementação de novidades nas Apps, porém, temos de admitir que há muito que o WhatsApp é basicamente o mesmo sem algo propriamente de novo.

Antes de ires, descobre as melhores alternativas ao WhatsApp, fora da esfera do Facebook.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.