WhatsApp com anúncios? Facebook parece ter abandonado a ideia

Bruno Coelho
Comentar

O Facebook revelou em 2018 que pretendia rentabilizar melhor o WhatsApp, introduzindo anúncios. O objetivo era colocar publicidade nas WhatsApp Stories, de forma a que assim os parceiros pudessem chegar a utilizares ao redor do mundo.

O grande problema é que os fundadores do WhatsApp sempre foram contra esta mudança. Brian Acton, co-fundador da app, demitiu-se mesmo do Facebook por não concordar com o a visão para o futuro.

Equipa que trabalhava nos anúncios do WhatsApp foi dissolvida

Segundo avança o The Wall Street Journal, o Facebook parece ter voltado atrás nas suas intenções de colocar anúncios no WhatsApp. Segundo fontes revelaram ao jornal, a equipa que trabalhava na melhor forma de integrar anúncios no serviço foi dissolvida, e o trabalhado já feito terá sido apagado do código do WhatsApp.

Ao que tudo indica, ainda podem existir planos para lançar anúncios no ‘Estado’ do WhatApp num futuro incerto. No entanto, esses ainda parecem estar longe de se concretizar.

O WhatsApp é hoje um dos serviços de mensagens mais populares, e foi mesmo a app mais descarregada em 2019, segundo os dados da Sensor Tower. Embora hoje seja totalmente gratuito, nem sempre foi assim.

O serviço foi lançado em 2009, e inicialmente cobrava um valor aos utilizadores pelo download. Mais tarde, viria a ter uma subscrição anual de 0.99 cêntimos. Quando o Facebook adquiriu a empresa em 2014, terminou com essa prática.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.