Vodafone e NOS vão dar um passo juntas! Entende a nova parceria

Filipe Alves
3 comentários

A Vodafone e a NOS preparam um contra-ataque à MEO (Altice) com uma nova parceria que visa em partilha de recursos para melhoria de cobertura de rede em Portugal.

Este não é propriamente um novo acordo entre as operadoras, visto que já foi celebrado algo idêntico em 2017, porém, esta nova parceria tende em melhorar ainda mais um serviço que já é de qualidade.

Vodafone e NOS vão partilhar redes

Vodafone e NOS partilha de redes

Não sabemos se o 5G estará neste tipo de acordo, porém, não vemos razões para tal não acontecer. Assim sendo, espera-se que a NOS e a Vodafone venham a ter uma ofensiva forte na altura de lançamento da nova rede móvel.

Ainda é cedo para tirarmos conclusões sobre o 5G, todavia, as principais operadoras portuguesas já referiram que a nova tecnologia 5G está no objetivo e será alcançado num futuro próximo.

Indepêndencia de estratégia da NOS e da Vodafone

Ainda que partilhem a mesma rede, o CEO da NOS, Miguel Almeida, confirmou que ambas as empresas terão total independência de estratégia. Ou seja, por muito que exista uma partilha de rede, continuarão a procurar bater-se uma à outra.

Dessa forma a concorrência aumentará enquanto que o serviço aos clientes melhorará. Isto é, uma mão lava a outra. Tanto a Vodafone como a NOS saem a ganhar neste novo acordo.

NOS acredita que esta é a melhor solução para os seus clientes

Miguel Almeida referiu que "Esta parceria permitirá melhorar a qualidade dos serviços prestados pela NOS, reforçando assim a confiança dos nossos clientes, ao mesmo tempo que reforçamos a concorrência no mercado português mantendo integralmente a independência estratégica."

Continuou dizendo que "Com este acordo, a NOS renova o seu compromisso de investimento na criação de condições que, não só permitirão às empresas portuguesas prepararem-se para responder ao desafio da transformação digital, mas também às famílias que terão assim a oportunidade de escolher as melhores ofertas e um serviço de excelência."

Miguel Almeida terminou dizendo: "Consolidamos, deste modo, o princípio que sempre defendemos de um modelo eficiente no desenvolvimento de redes de última geração e demos mais um passo muito importante no nosso compromisso com Portugal e com os portugueses, de construção de uma Sociedade Digital”.

Em suma, este é um marco importante para as operadoras em Portugal. No final do dia, o utilizador final só precisa de ter a melhor cobertura e o melhor preço. Esperemos que esta parceria traga ainda mais competitividade ao nosso mercado. Bem precisamos!

Editores 4gnews recomendam:

3 comentários
Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.