Vivo deve lançar rival barato para o iPad Pro até o final do ano

Paulo Montenegro
Comentar

Há poucos dias a Vivo teve registado na Europa o nome do seu primeiro tablet, o Vivo Pad, o que desencadeou rumores sobre a estreia da marca neste segmento que cresceu durante a pandemia.

Nesta quarta-feira (23), a empresa confirmou que, além de um tablet, também deve anunciar um laptop. No caso do primeiro produto, a previsão de lançamento seria para o quarto trimestre de 2021.

Design inspirado no iPad Pro

Mais cedo esta semana uma nova fuga de informação revelou o suposto design do tablet através de uma imagem presente nas patentes do registo, como podemos ver a seguir:

Vivo Pad

É possível observar nas imagens acima que o Vivo Pad deve chegar às lojas com um ecrã de bordas mínimas no mesmo estilo do tablet profissional da maçã, a entregar um ótimo aproveitamento frontal.

Na parte de trás nota-se a presença de mais de um sensor para as câmaras (ainda que não seja comum usar tablets para fotografia) e as imagens laterais reforçam que se trata de um produto não muito espesso.

As especificações técnicas permanecem um mistério

Até o momento as especificações técnicas ainda não foram divulgadas, tão pouco o preço, porém, pelo histórico de lançamentos da marca, podemos esperar que o produto estreie com foco no preço-qualidade.

Ou seja, ele pode se tornar um rival de baixo custo para o tablet profissional da Apple e será capaz de atender a muitos utilizadores que não precisam de todo o poder de processamento e funções de um iPad Pro.

A new vivo 8,040mAh battery receives the TUV Rheinland certification. Unless vivo is trying to do something crazy with a smartphone, we are definitely going to see a tablet/laptop from the brand soon.Plus, iQOO Pad and iQOO Book are also in the cards.#vivo #vivoPad #iQOOPad pic.twitter.com/3jS0ds3fGJ

— Mukul Sharma (@stufflistings) 18 de junho de 2021

Registos recentes mostram que a empresa, de facto, homologou uma bateria de 8.040 mAh que, aparentemente, é demasiado grande para um simples smartphone, então, pode ser que este módulo esteja destinado ao tablet em questão.

Resta saber se o produto também vai ser compatível com uma caneta stylus e se acessórios com foco na produtividade como, por exemplo, um teclado externo, serão também anunciados.

Editores 4gnews recomendam: