Huawei P10 com o ecrã sem revestimento oleofóbico

Como techblogger, criador de conteúdo e “influenciador Digital”, não levo de forma leve a minha responsabilidade no que toca às reviews dos smartphones, gadgets ou softwares que passam pela nossa mão.

Quando um novo smartphone chega para review, demoramos o nosso tempo para ter a certeza que tudo o que falamos é justificável. Certamente por isso as nossas reviews demoram sempre um pouco mais do que o normal. Para além do investimento do tempo no audiovisual, vamos ao último do pormenor do dispositivo.

O Huawei P10 foi apresentado na Mobile World Congress em Barcelona e depois de umas boas semanas com o dispositivo para review tive uma opinião forte do smartphone.

   

Assim sendo, ao contrário de muitos formatos de review de outros locais na internet, decidimos perceber como é que o smartphone funciona na vida real. Como sempre fazemos, mudei o meu cartão pessoal para o dispositivo, tirei a película de ecrã, para perceber se a tela riscaria de forma fácil e nunca usei qualquer tipo de capa proteção para entender se com as chaves de casa no mesmo bolso do smartphone influenciaria a qualidade de construção.

Vê ainda: Huawei Mate 9 já vendeu mais de 5 milhões de unidades

Ou seja, tudo o que fazemos numa review tem razão de ser. Já nos foi dito por algumas marcas que o smartphone voltou de empréstimo com o ecrã riscado, ao que lhes foi respondido, “Lamento. É porque não é dos melhores no mercado, nós usamos o equipamento não o deixamos na prateleira”.

Percebes o nosso ponto? Somos claros com as reviews, deixamos os pontos nos i’s e assumimos o peito às balas quando as nossas criticas são levadas de forma pejorativa (o que nunca é o caso).

Somos um projeto independente e temos um compromisso para com vocês leitores, não com as grandes empresas.

Quando cheguei à conclusão final para a review do Huawei P10, enviei um email à Huawei Portugal a questionar o meu problema para com o ecrã do smartphone. Sentia que o dispositivo estava constantemente sujo depois de lhe tirar a película do ecrã. A Huawei respondeu de forma imediata mas com algumas incertezas sobre o assunto, assim sendo lancei a review mostrando o meu descontentamento com o painel frontal do smartphone. (Vídeo review abaixo no minuto 3:20)

A pontuação do ecrã do Huawei P10 na nossa review foi de “7.5” enquanto no seu antecessor, Huawei P9, tinha sido de “9”. Foi claro o meu descontentamento, contudo, na minha opinião esse tinha sido o único calcanhar de Aquiles do smartphone.

Hoje a Huawei Portugal enviou uma resposta oficial à nossa review e tenho de admitir que fiquei feliz de ver a marca a dar o corpo às balas, tal como nós o fazemos.

Reduzimos o revestimento oleofóbico do P10 e dos P10 Plus de modo a assegurar que o primeiro sensor de impressão digital situado a abaixo do ecrã, com uma navegação smart touch, funciona na perfeição. O ecrã é protegido com Gorila Glass 5 e vem com um filtro de proteção de origem, oferecendo ao consumidor uma dualidade perfeita entre utilização e a proteção” – Huawei Portugal

Desde já deixa-me agradecer aos responsáveis da marca por dedicarem um pouco do seu tempo para ver que a nossa review tinha uma razão de ser e também de nos explicar de que esta era uma “característica” e não um “defeito”.

Antes de publicar a nossa review vasculhei por reviews e mais reviews. Análises nacionais e estrangeiras, e só depois da análise publicada vi dois websites também a referir o mesmo.

O TheVerge refere:

… Outra razão é que o smartphone vem com um protetor de ecrã de plástico barato, que o vais querer remover imediatamente; o problema é que, o ecrã em baixo não oferecer revestimento oleofóbico, o que significa que será muito mais susceptível a um ecrã sujo.

Já o Engadget indicou:

“(…) Enquanto estamos no assunto, o P10 e P10 Plus oferece um protetor de ecrã já de origem.” (…) “O problema é que este protector foi aplicado em vez do revestimento oleofóbico, que outros smartphones oferecem de forma a prevenir sujidade e problemas com água.”

Huawei P10: A falta de revestimento oleofóbico é uma característica não um defeito.

Esta jogada da Huawei em não investir no revestimento dando um protector de ecrã de oferta é certamente questionável para muitos. A verdade é que o Huawei P10 é um excelente smartphone e convido-te a ver a nossa review abaixo.

A nova tecnologia de desbloqueio de smartphone da Huawei é sem dúvida uma das mais rápidas que já vi, contudo, também era a do Huawei P9. E quanto ao smart touch, questiono-me bastante do seu possível sucesso. Não sei até que ponto é que empresa Chinesa necessitava de fazer este compromisso simplesmente para nos dar mais um nano-segundo de rapidez no desbloqueio, no toque do ecrã ou mesmo uma nova forma de retroceder com o “smart touch”.

Termino agradecendo à Huawei Portugal pela frontalidade e pela resposta aos acontecimentos. A 4gnews é um website independente e determinado em mudar a forma como as informações tecnológicas chegam a todo o público com a língua de Camões, acredito plenamente que os utilizadores, ou futuros utilizadores, Huawei P10 valorizaram estas palavras.

Reviews a não perder:

Análise: Wiko Lenny 3 Max – Bastará ser barato? | Review

Os Nokia estão de volta! Hands-on do Nokia 5 e Nokia 6

Google Pixel Review Português | Bem mais do que apenas um Android