Twitch proíbe certas expressões e aperta o cerco ao discurso de ódio

Abílio Rodrigues
Comentar

A Twitch anunciou uma atualização ao seu código de conduta e políticas de assédio, de forma a combater o discurso de ódio que tem proliferado na plataforma.

Expressões como "Simp," "Incel" ou "Virgem" serão fortemente desencorajadas, sendo agora vistas como insultos sexuais. Mais ainda, os autores deste tipo de insulto podem ser permanentemente banidos da plataforma.

Discurso de ódio é cada vez menos tolerado na Twitch

Comunidade da Twitch

Segundo os responsáveis pela Twitch, mulheres, elementos da comunidade LGBTQIA+, pessoas de raça negra e indígenas são frequentemente assediados, com estas medidas a serem implementadas de forma a salvaguardar o bem-estar da comunidade e criar espaços mais positivos.

As novas linhas orientadoras da plataforma são mais específicas que as anteriores, fazendo menção a termos concretos cuja utilização se tem provado recorrente. Para além de algumas expressões, será também monitorizada a utilização de emojis que incluam os termos em questão.

Novas regras alinham-se com as anteriores

Estas novas diretrizes alinham-se com as medidas anunciadas na semana passada, que proíbem que alguém se refira de forma continuada ao aspeto físico de outra pessoa, mesmo que seja com a melhor das intenções.

A Twitch garante que vai remover comentários e emojis inapropriados sempre que forem reportados, apontando os utilizadores para a secção "Assédio Sexual" das suas novas políticas de conteúdos.

Fica ainda prometido que será analisado o contexto das declarações reportadas, tentando evitar o conceito de "intenção percebida" e alguma injustiça nas penalizações que possam ser aplicadas.

Apesar do esforço, são muitas as vozes que se levantam contra o facto da plataforma continuar a tolerar termos racistas e misóginos que consideram mais ofensivos, escolhendo focar-se em expressões que têm vindo a ganhar relevância apenas nos últimos anos.

Seja como for, estas novas regras seguem a linha do que tem vindo a ser feito um pouco por toda a internet, com o intuito de tornar mais segura a navegação.

Editores 4gnews recomendam:

Abílio Rodrigues
Abílio Rodrigues
Apaixonado por tecnologia desde que montou o seu primeiro computador, continua em fase lua-de-mel com tudo o que envolva um processador e permita umas sessões videolúdicas.