Apple MacBookHá cerca de uma semana atrás, a Apple, além de nos refrescar a memória quanto ao  Apple Watch e do novo ResearchKit, a empresa apresentou o novo MacBook com apenas 13 milímetros de grossura, um portátil finíssimo, com 3 cores (as mesmas dos iPhones) e com somente uma porta de entrada I/O, a USB type C.

Começo por esclarecer uma grande dúvida. Este novo MacBook não é um MacBook Air, chama-se apenas MacBook( apesar de ser mais fino e leve do que qualquer um dos Air’s).

   

O preço novo MacBook começará nos 1300$ que deverão ter conversão directa em 1300€ (a taxa de câmbio equivale à margem de lucro para as lojas dos países com moeda única €). Pesa apenas 0.91 KG, menos de um Kilograma e o seu corpo é feito inteiramente de metal. Tudo isto com apenas 13.1 milímetros de espessura, é tão fino que a Apple teve que o desenhar a partir do zero. Temos um novo teclado, novo touchpad, nova logic board e nem sequer tem uma ventoinha para arrefecimento (não sei se isso é bom ou mau).

Este slideshow necessita de JavaScript.

O Trackpad

Começando pelo trackpad, este também foi redesenhado. Além de sentir o toque também avalia, sente, a pressão e a força, portanto saberá distinguir quando estás apenas a fazer scrolling, ou a carregar mesmo com alguma força. Melhor ainda, dar-te-à uma resposta vibratória ou haptic feedback. Será muito útil, ou pelo menos um agradável bónus, quando estás a fazer o pinch-to-zoom e sentirás o que se está a passar no teu MacBook. Novos gestos, maior interacção, cada vez mais um trunfo da Apple.

O Teclado

O novo teclado abandonou o tradicional modelo de teclas em forma de tesoura (o mecanismo que sustenta a tecla ao pressionar) e adoptou um novo modelo desenhado pela Apple. A marca disse que o novo modelo baptizado de “Butterfly switch”, proporciona uma maior estabilidade e uma escrita mais acertada. Portanto se escreves a todo o gás e sem olhar para o teclado, como eu, este é um factor a ter em conta.

O Ecrã e as Especificações

Temos aqui um novo ecrã de 12 polegadas Retina, com uma resolução de 2,304 x 1,440 pixels. O ecrã em si tem apenas 0.88 milímetros. Em termos de especificações temos um processador dual-core Intel Core M, com velocidades que vão até aos 1.3 GHz (modelo base é de 1.1 GHz), com uma gráfica Intel HD 5300. Temos também Bluetooth 4.0 e redes 802.11ac.

O modelo base vem equipado com 8 GB de RAM, um disco de 256 GB SSD e custará 1299$, como acima referido. Em alternativa poderão optar pela versão com 512 GB SSD, restantes especificações permanecem iguais e com um preço de 1599$.

Os novos MacBook vão começar a sair dos armazéns no dia 10 de Abril e poderão escolher entre 3 cores, o tradicional prateado, o cinzento-sideral e o dourado, este será sem dúvida um factor decisivo na hora da compra. Entre um MacBook Air apenas em prateado e um novo MacBook disponível em 3 cores, ainda mais fino e de tamanho intermédio, já estou a ver qual será o a escolha.

A Bateria

“Ele está cheio de baterias”, brincou Phil Schiller durante a apresentação. Este novo MacBook tem “mais 35% de autonomia de bateria do que os MacBooks anteriores”, apesar de não ter dito a quais é que se referia, um velho truque da Apple a que muitos chamariam retórica vazia.

Mesmo assim, o novo MacBook terá bateria suficiente para nove horas de navegação na internet e até 10 horas de reprodução de filmes. Consome apenas 5 watts, o que é extremamente eficiente para um computador portátil. Esta bateria deve ultrapassar a do MacBook Air de 11 polegadas e rivalizar com o MacBook Air de 13 polegadas que permanece o campeão de autonomia.

Conclusão

Tal como suspeitávamos, a Apple removeu as portas USB. A única entrada, a única porta ou interface I/O do novo MacBook é apenas uma porta USB Type C reversível. Esta porta solitária terá que dar resposta ao carregamento, à transferência de dados, saída de vídeo, tudo e mais alguma coisa.

É uma pena vermos a Apple abandonar os seus MagSafe que, por experiência própria, considero bem úteis e cómodos mas verdade seja dita, será uma autêntica mina de ouro em termos de adaptadores para o novo MacBook.

Concluindo, este novo MacBook será um produto para as grandes massas. Poderás combinar o teu novo computador com o teu iPhone, não só a interacção e sincronização entre iOS e OSX mas também a cor! Esse factor, além da qualidade de construção, serão o principal ponto de venda deste novo MacBook.

Não tenho dúvidas de que apesar do seu preço mais elevado do que a generalidade dos MacBook Air, o novo MacBook irá vender muito bem. Para navegar na internet, tirar apontamentos, escrever documentos, ver filmes e editar algumas fotografias, tudo isto com uma bateria que durará 9-10 horas em média, um pack irresistível para o grande público.

O que achas deste novo MacBook e qual cor escolherias?

Talvez queiras ver:

Diz o que tens em mente nos comentários abaixo. E que tal ajudares um projeto Português? Sabe mais

Queres ser nosso amigo? Segue-nos nos meios de comunicação.