Trump assinou ordem executiva para banir o TikTok! Microsoft é a única salvação

Vitor Urbano
Comentar

Depois de na segunda-feira ter ameaçado banir o TikTok nos Estados Unidos, Donald Trump assinou ontem uma ordem executiva, revelando que dentro de 45 dias, passará a ser proibida qualquer transação por empresas ou utilizadores privados com a empresa ByteDance.

A ByteDance é a criadora da popular rede social que está a conquistar o mundo e, muito provavelmente devido à sua grande popularidade nos Estados Unidos, Trump decidiu deixar a "porta aberta" para uma possível compra do TikTok por parte da Microsoft. Relembro que a empresa norte-americana já confirmou estar em negociações para adquirir a rede social.

INBOX: @realDonaldTrump has signed an executive order to ban TikTok in 45 days. pic.twitter.com/1zR4HgCPVj

— Andrew Feinberg (@AndrewFeinberg) 7 de agosto de 2020

Esta ordem executiva foi assinada meras horas após o congresso norte-americano ter votado para que a aplicação seja proibida em todos os dispositivos do governo.

TikTok não será a única aplicação a ser banida pelos Estados Unidos!

Parece que Donald Trump decidiu não desperdiçar tempo, assinando duas ordens executivas de seguida, colocando também a popular aplicação de mensagens WeChat. À semelhança do que acontecerá com o TikTok, também dentro de 45 dias passará a ser proibida nos Estados Unidos.

Donald Trump Estados Unidos TikTok

No entanto, esta ordem executiva apresenta uma diferença muito importante, sendo direcionada especificamente à aplicação, e não à empresa. A aplicação WeChat pertence à empresa chinesa Tencent, uma das mais reconhecidas criadoras de aplicações e jogos para smartphones.

Caso Donald Trump tivesse decidido atacar diretamente a Tencent, os resultados seriam catastróficos para o mundo gaming. Relembro que a Tencent é responsável pelo desenvolvimento do PUBG Mobile e Call of Duty Mobile. A empresa tem ainda grande influência em empresas de grande dimensão, como a Supercell e Epic Games (Fortnite), além de ser 100% dona da Riot Games, estúdio responsável pelo desenvolvimento do League of Legends.

Editores 4gnews recomendam:

Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.