"Time Flies": o que esperar do evento Apple

Rui Bacelar
Comentar

A Apple costuma surpreender o mundo com o anúncio de novos iPhone no tradicional evento de setembro. Em 2020, contudo, não teremos novos smartphones iOS, mas sim várias novidades com relógios inteligentes, tablets e o sistema operativo iOS.

"O Tempo Voa". Este é o mote do evento de setembro que nos remete imediatamente para o Apple Watch. Temos transmissão em direto no YouTube, Apple TV e no site oficial da tecnológica de Cupertino, hoje a partir das 18:00h de Lisboa.

"Time Flies", mas sem iPhone em setembro

It’s almost here. Join us today at 10:00 a.m. PDT on https://t.co/tkb3KTIxTd. #AppleEvent

— Apple (@Apple) 9 de setembro de 2020

O evento consistirá numa gravação elaborada pela gigante de Cupertino na qual discorrerá sobre os novos Apple Watch, o iPad Air, bem como o software Apple e, talvez, algumas surpresas. Até ao momento, estas são as nossas maiores certezas.

Ao longo das últimas semanas temos visto um grande fluxo de informação sobre os relógios de próxima geração. Esperamos também por uma nova abordagem de mercado, com um modelo relativamente económico e outro de topo, premium.

O Apple Watch Series 6

Apple Watch Series 6

A estrela (expectável) do evento de setembro. Contamos com um design muito similar à Series 5, possivelmente com melhorias no aproveitamento do espaço e dimensões. De qualquer modo, o seu aspeto será familiar, ou mesmo igual à atual geração.

As novidades do relógio serão a adição do sensor de SpO2 - oxímetro ou saturação de oxigénio no sangue; a monitorização nativa do sono com medições mais precisas; melhorias na função de eletrocardiograma e possivelmente da autonomia do relógio.

Entre as principais correções de imprecisões apontam-se as inconsistências na função ECG nos Watch Series 4 e Series 5, sobretudo a partir dos 100 a 120 batimentos cardíacos por minuto. Por outras palavras, teremos sensores ainda mais precisos.

Novo modelo "barato" nos Apple Watch Series 6?

Apple Watch Series 6

Segundo os rumores podemos vir a ter uma nova alternativa ao Watch Series 3, ainda vendido pela Apple. Caso seja apresentado, o modelo "SE" do relógio seria a alternativa mais económica da fabricante, visando substituir o modelo antigo.

Atualmente o Apple Watch Series 3 pode ser encontrado a 223 € no site da marca, apontando-se o novo modelo barato para o mesmo escalão de preços. Não sabemos, contudo, quais serão as suas caraterísticas ou especificações técnicas.

Teremos, de qualquer modo, o modelo convencional - Series 6 - que virá substituir o atual modelo de topo da Series 5. Contamos com um novo processador, mais poderoso e eficiente no consumo energético e o possível abandono da tecnologia Force Touch.

A geração Apple iPad Air 4

Apple iPad Air 4

Entre as novidades do evento de setembro contamos com melhorias para o iPad Air 4. O design carece já de uma renovação, encurtando as margens, ou colocando-o mais próximo dos modelos de topo, a gama iPad Pro.

Desse modo, esperamos ver uma redução das margens, com cantos arredondados e melhor aproveitamento da área no painel frontal do tablet. Além disso, deverá manter o Touch ID como método principal de desbloqueio, mas com algumas alterações.

Em vez de usar o Face ID, mais caro e presente nos iPad Pro, a linha iPad Air deverá optar pelo leitor de impressão digital, possivelmente alojado numa das laterais do produto. A sua colocação sob o ecrã é menos provável, mas não está descartada.

O preço do iPad Air 4 pode começar nos 599 dólares

Apple iPad Air 4

O iPad Air é o modelo de entrada da Apple na sua linha de tablets, no entanto, contamos agora com os pinos de conexão na traseira do produto para encaixe nos acessórios e capa/teclado oficial. A câmara, por outro lado, continuará a ser única na traseira.

Os rumores sugerem também a presença de uma porta USB-C, maximizando a compatibilidade do iPad com outros acessórios. Em síntese, terá um novo design, mais elegante e contemporâneo, margens reduzidas e mais opções de personalização e cor.

AirTags, a "revolução" do NFC

Apple AirTags (codename: B389)- White front (no logo) CLEAN!- Polished metal back- Apple logo on back3D render made by the AMAZING @CConceptCreator. Sources shared with me a video of the real AirTags — to protect them, we made a 3D render to show you. pic.twitter.com/aKGOATXMMO

— Jon Prosser (@jon_prosser) 14 de setembro de 2020

A Apple apresentará as suas AirTags, um conceito similar ao produto nacional, Lapa, ou os Tiles internacionais. Aliás, a sua apresentação já era esperada em 2019 com os iPhone 11. Agora, perante o acumular de provas, estarão (mesmo) prontos!

De acordo com várias fontes a Apple já terá iniciado a produção em massa deste acessório. Ao mesmo tempo, o famoso leakster @Jon_proser mostrou várias representações digitais e algumas fotografias reais do produto.

Na prática, serão pequenos acessórios que podemos colocar, por exemplo, no porta-chaves, para não o perder. As aplicações são infindáveis e o propósito dos AirTags será localizar objetos, ou mesmo animais de estimação.

Há novidades para os serviços Apple

O novo serviço de subscrição - Apple One - deverá agregar vários serviços da empresa num só pacote. Desde o Apple Music (música), ao TV+ (televisão e séries), o Arcade (jogos), News+ (notícias), com diversos escalões de preços.

Os valores praticados não são conhecidos, mas os rumores apontam para um valor mínimo de 5 dólares por mês para estudantes. Provável será a aplicação de um sistema por escalões, com diferenças na qualidade e quantidade de dispositivos suportados.

O iOS 14, iPadPS 13, watchOS 7 e tvOS 14

Antevisão do iOS 14 da Apple

A Apple tem por costume disponibilizar a última versão de testes (beta) do iOS durante os eventos de setembro. Agora, com o iOS 14 em fase de antevisão, ou teste, contamos com o mesmo cenário, dando aos utilizadores um último e certeiro vislumbre.

Manter-se-á a oportunidade de testar a versão beta a partir do dia 15 de setembro caso a empresa não decida alterar a calendarização tradicional. Já a versão estável, disponível para o público geral, deverá demorar poucas semans a chegar.

De igual modo, contamos com novidades para os sistemas watcOS, iPadOS, tvOS e possivelmente também para o macOS.

De fora ficam os iPhone 12

A apresentação da próxima geração de telemóveis Apple estará reservado para ocasião futura. Perante os atrasos provocados pela pandemia COVID-19, a Apple terá dedicido atrasar a apresentação oficial dos novos iPhone 12 para o mês de outubro.

De igual modo, não contamos com novidades para a linha de computadores Apple. Esperamos, sim, por um evento próprio onde a marca dará a conhecer os avanços conseguidos com os seus próprios processadores baseados em tecnologia ARM.

Mesmo assim, apesar de toda a nossa experiência na área, podemos ter surpresas com o "...One more thing".

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.