Teste de resistência mostra a solidez do OnePlus 7 Pro (vídeo)

Filipe Alves

O OnePlus 7 Pro foi hoje revelado de forma oficial e já há amantes de tecnologia que o estão a danificar para perceber o quão o smartphone é resistente. Um deles é o Youtuber JerryRigsEverything.

Conhecido por analisar a resistência dos smartphones ao pormenor, Jerry já publicou a sua opinião e teste de resistência ao OnePlus 7 Pro. Teste ao qual o smartphone passou com distinção.

O novo smartphone da empresa asiática traz-nos características que nos podemos questionar. Primeiramente a câmara Pop-up. Ainda que seja muito bonita e tecnologicamente interessante, até que ponto é resistente?

A OnePlus publicou um vídeo a mostrar a sua câmara sa levantar um bloco de cimento (vídeo abaixo), por isso não me parece que este venha a ser um problema. A nível de resistência o OnePlus 7 Pro parece ter resistido bem às mãos de Jerry e do seu teste. O terminal conseguiu sair ileso. Apenas com pequenos riscos dos habituais testes.

O smartphone mostra-se impressionantemente sólido. O terminal conta com aros de metal que lhe dão a robustez que estamos habituados. Ademais, temos também materiais de topo. Seja no revestimento do smartphone ou até no ecrã.

Preço do OnePlus 7 Pro é ligeiramente superior ao antecessor

O OnePlus 7 Pro começa nos 709€ para Portugal. Podes sempre escolher uma variante com mais RAM ou memória interna, contudo, o valor vai, obviamente subir. Podes saber mais sobre os preços do smartphone aqui.

A OnePlus apresentou também o OnePlus 7. Podes saber mais sobre esse terminal aqui neste artigo e as diferenças entre o OnePlus 7 e o OnePlus 7 Pro neste. Só nos resta saber se daqui a 6 meses teremos o seu sucessor e desvalorizar um dos melhores smartphones Android no mercado.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.