Tesla tenta "contornar a lei" e dá-se mal! Fábrica de Berlim vai sofrer sérios atrasos

Vitor Urbano
Comentar

A Tesla continua a apostar na construção da sua Gigafactory em Berlim como principal ferramenta para impulsionar a sua expansão europeia. No entanto, novas informações publicadas pelo site alemão Automobilwoche não deixam grandes esperanças de que os prazos apresentados por Elon Musk consigam ser cumpridos.

Ao longo do ano, foram várias as notícias que confirmaram que a Tesla decidiu avançar com o início da construção, mesmo sem ter conseguido a aprovação final do projeto.

Mesmo não tendo infringido nenhuma lei, Elon Musk decidiu jogar à "roleta russa" aproveitando um pequeno loophole, que permitiu à Tesla avançar gradualmente com o projeto através da aquisição de licenças individuais. Mas parece que a sua sorte chegou ao fim.

Fábrica da Tesla em Berlim

Como avança o site alemão, a Tesla foi agora impossibilitada de continuar com as obras, não tendo conseguido obter mais licenças para prosseguir com a desflorestação da área.

Elon Musk viajou de emergência para tentar resolver este problema pessoalmente

Apesar dos recentes problemas, fonte próxima do projeto afirmou que continuam a apontar para julho de 2021 como data para dar início à produção de carros elétricos em Berlim, mas parece difícil.

Para tentar evitar danos maiores ao projeto, Elon Musk decidiu viajar para a Alemanha, reunindo-se com os responsáveis financeiros do concelho onde a fábrica está a ser construída, para tentar resolver estes entraves que não estão a permitir a emissão das licenças necessárias.

Além disso, Musk envolveu-se pessoalmente no processo de recrutamento para o projeto, esperando que consiga obter melhores resultados tirando proveito da sua óbvia influência.

A fábrica de Berlim será responsável pela chegada em massa do Tesla Model Y aos mercados europeus e, possivelmente eliminará a necessidade de importar carros construidos na fábrica chinesa.

Relembro que a exportação de muitos Tesla Model 3 da fábrica chinesa para a Europa causou uma grande polémica entre os utilizadores, visto que na China, utilizam processos de fabrico diferentes.

Editores 4gnews recomendam:

Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.