Starlink: internet por satélite de Elon Musk atinge novo recorde de velocidade!

Abílio Rodrigues
Comentar

A SpaceX deu início a mais uma fase de testes da sua internet por satélite Starlink no mês passado e sabe-se agora que foi atingida nova velocidade de download recorde para o serviço. O teste de velocidade foi conduzido numa zona do Montana nos EUA, conseguindo chegar aos 190 Mbps.

O resultado foi partilhado pela companhia através das redes sociais, onde se revelou ainda que a Starlink conseguiu descarregar dados a 190 Mbps através de um dispositivo ligado via Wi-Fi. Apesar disso o projeto apresenta ainda alguns problemas de latência, com valores a chegarem aos 110 milissegundos.

Starlink já está em vantagem sobre a concorrência

Starlink Speedtest
Valores registados no último teste da Starlink

Mesmo assim é notória a vantagem da Starlink em relação às suas rivais que apresentam soluções que recorrem ao mesmo protocolo, como a HughesNet e Viasat.

Testes anteriores revelaram que a Starlink conseguiu descarregar dados a uma média de 80 Mbps e fazer upload a cerca de 14 Mbps. A HughesNet e Viasat ficaram-se pelos 20 e 25 Mbps respetivamente no dowload, com o upload a ter dificuldades em atingir os 3 Mbps em qualquer uma das concorrentes.

Mesmo com valores de latência superiores ao desejável, a Starlink consegue até nesse quesito superiorizar-se às rivais que estão ainda muito longe de oferecer números razoáveis.

A velocidade atingida nos testes mais recentes está acima das suas tentativas anteriores e pode ter origem num conjunto de atualizações de software levadas a cabo pela SpaceX.

Alguns membros da Federal Communications Commission (FCC) creem que isto mais que dobrou o desempenho da internet por satélite da empresa de Elon Musk.

Internet Starlink não é perfeita mas está a melhorar

Seja como for as velocidades agora demonstradas pela Starlink estão mais a par das ofertas de soluções terrestres, afastando-se das demais opções em termos de internet por satélite.

A SpaceX tem um longo caminho pela frente, especialmente para resolver os problemas persistentes com a latência. Os valores continuam bastante acima do prometido aos utilizadores beta e longe do ideal para uma experiência de utilização eficiente.

Apesar disso a companhia parece estar a dar passos firmes para se estabelecer como alternativa viável aos padrões de internet atuais. Elon Musk já revelou intenções de levar a Starlink a mais cantos do planeta e isso tem acontecido de forma progressiva.

Editores 4gnews recomendam:

Abílio Rodrigues
Abílio Rodrigues
Apaixonado por tecnologia desde que montou o seu primeiro computador, continua em fase lua-de-mel com tudo o que envolva um processador e permita umas sessões videolúdicas.