Sony vendeu quantidade incrível de consolas PS5 nestes 3 meses de 2021

Rui Bacelar
Comentar

A nova consola Sony PlayStation 5 (PS5) é indubitavelmente um dos objetivos de cobiça e desejo por parte do público gaming, sendo ainda difícil conseguir uma unidade. Não obstante, as vendas da PS5 são um sucesso inegável, tal como o comprova o relatório fiscal divulgado recentemente pela tecnológica nipónica.

Com efeito, durante o seu primeiro trimestre fiscal (não coincidente com o primeiro trimestre do ano civil), a Sony vendeu mais de 2,3 milhões de consolas PS5. Fê-lo durante os meses de abril, maio e junho de 2021 apesar da escassez de componentes que continua a afetar todo o setor. Os dados foram divulgados pela Sony Corporation.

Mais de 2,3 milhões de PS5 vendidas no 2.º trimestre de 2021

Sony PS5

Estas métricas foram reveladas pela Sony Corporation, presentes no relatório fiscal alusivo ao trimestre em questão. Foi também aí que, tal como noticiamos ontem na 4gnews, a Sony afirmou já não ter prejuízo com cada unidade vendida da PS5 a 499 €.

Por outro lado, a empresa continua a ter prejuízo nas vendas da versão digital da consola, produto que custa 399 € em Portugal e nos principais mercados europeus. Ainda assim, as vendas da PS4, serviços e produtos digitais foram mais que suficientes para compensar o prejuízo de corrente das vendas da Digital Edition da PS5.

Atendendo agora ao relatório financeiro consolidado, vemos que a Sony Corporation somou cerca de 17,4 milhões de euros com as vendas. Estas receitas foram obtidas sobretudo pelo setor eletrónico, música e filmes, registando-se um aumento anual de 15%.

As receitas e os lucros da Sony aumentaram 15% e 26% respetivamente

Sony
Quadro retirado do relatório financeiro da Sony Corporation. Crédito: Sony

Como evidenciado no relatório, também o lucro operacional foi revisto em alta. Mais concretamente, firmando-se o lucro líquido nos 1,63 mil milhões de euros (à atual taxa de conversão do iene). Trata-se de um aumento anual de 26% nesta métrica.

A Sony Corporation revelou também as suas previsões para o restante ano fiscal de 2021. A tecnológica nipónica espera obter um lucro operacional de 7,56 mil milhões de euros, apurando-se um aumento face aos 7,18 mil milhões de euros obtidos no último ano.

Por outro lado, o lucro líquido também deverá aumentar, de 5,09 mil milhões de euros para 5,40 mil milhões de euros de acordo com as expectativas da Sony Corporation.

A PS5 é já um dos pilares da Sony

Tendo vendido 2,3 milhões de unidades em apenas três meses, a nova consola ajudou reforçar o departamento dedicado ao entretenimento e jogos. Por outro lado, também a PS4 registou um número sólido de vendas, com 500 mil unidades expedidas.

Já as receitas obtidas com a venda de jogos físicos também foram positivas, atingindo os 0,20 mil milhões de euros. Por outro lado, as receitas obtidas com a venda de jogos digitais foi consideravelmente superior, atingindo os 2,47 mil milhões de euros.

Em síntese, a Sony atravesse um período de franco crescimento onde as consolas como a PS5 (e ainda a PS4) ocupam um papel de relevo. É também notória a importância do mercado digital no relatório fiscal completo.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.