Snapchat reinventa-se com o Spotlight, o novo rival do TikTok

Rui Bacelar
Comentar

A empresa dedicará milhões de dólares para poder pagar aos utilizadores em troca de novos vídeos populares. Esta é uma das premissas do novo rival do TikTok, a função Spotlight que acaba de ser disponibilizada na app Snapchat.

Querendo regressar à ribalta, a Snap, empresa detentora do Snapchat, acaba de anunciar a nova ferramenta apelidada de Spotlight. É uma nova opção de criação de conteúdos na aplicação Snapchat, uma ferramenta feita à medida do fenómeno TikTok.

Eis o Spotlight, a resposta do Snapchat ao TikTok

A secção mostrará os vídeos criados pelos utilizadores e, de acordo com a empresa, pagará até 1 milhão de dólares diariamente aos responsáveis pelas contas mais populares. Trata-se, portanto, de uma jogada arrojada por parte da empresa norte-americana.

Os vídeos terão grande destaque no interior da aplicação e, se isto não for motivação suficiente, a Snap pagará generosamente aos criadores. A tecnológica quer atrair mais utilizadores para as suas aplicações e esta é uma das formas mais diretas de o fazer.

A fórmula é idêntica, senão igual, à do rival TikTok, com vídeos curtos e divertidos, que fomentem sorrisos e atraiam mais seguidores para a plataforma. Em troca, a empresa deixa bem claro que a remuneração poderá ser bastante gratificante.

A Snap pagará 1 milhão de dólares por dia aos criadores!

Introducing Spotlight 🔦 The best of Snapchat. Sit back and take it all in, or submit your video Snaps and you could earn a share of more than $1,000,000 a day. Happy Snapping!https://t.co/U7eG7VNJqk pic.twitter.com/mxGWuDSdQk

— Snapchat (@Snapchat) 23 de novembro de 2020

Para os utilizadores, além de poderem fazer sorrir os seus seguidores, a motivação financeira será a maior motivação. No entanto, a norte-americana não revelou exatamente como calculará, ou fará a remuneração dos criadores de conteúdo.

De qualquer modo, pelo comunicado à imprensa deduz-se que o cálculo seja feito com base no número de visualizações do vídeo a cada dia. Para já, na fase inicial de lançamento, a empresa investirá 1 milhão de dólares diários até ao final de 2020.

Vídeos curtos, divertidos e (bem) remunerados no Snapchat

Spotlight Snapchat

Note-se ainda que nada é dito quanto ao término desta forte remuneração e investimento por parte da Snap, podendo inclusive continuar durante 2021. Algo que pode ser sustentável assim que a Snap começar a apresentar publicidade no Spotlight.

Por fim, resta saber quão apelativo será este conteúdo com a fórmula do TikTok dentro do Snapchat. Poderá este Spotlight competir com o fenómeno atual do TikTok? Certo é que no Instagram também já temos os Reels, formato que ganhou alguma tração.

Apesar de o futuro ser incerto, pelo menos no Spotlight não teremos vídeos importados do TikTok uma vez que a plataforma não permite o upload de conteúdos com marca de água de outras plataformas.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.