Samsung vai recuperar algo que todos elogiavam nos seus smartwatches

Carlos Oliveira
2 comentários

Quem já experimentou um Samsung Galaxy Watch certamente não ficou indiferente ao seu aro rotativo físico. Este permite uma interação única com a interface do smartwatch e muito ficaram tristes pela sul-coreana o ter abandonado no Galaxy Watch Active.

Aro rotativo está de volta aos smartwatches da Samsung

Mas segundo o que a publicação SamMobile conseguiu apurar, o aro rotativo estará de volta no próximo smartwatch da Samsung. Isto significa que a interação com o software do gadget será novamente muito mais intuitiva.

No ano passado, a Samsung lançou o Galaxy Watch Active 2, onde recuperou esta funcionalidade através do software. Ou seja, deixamos de ter um componente físico rotativo, mas é possível obter o mesmo efeito virtualmente ao passar o dedo nas laterais do smartwatch.

Galaxy Watch

Claro que essa opção nunca esteve ao mesmo nível do aro rotativo físico, mas sempre era melhor que não ter nada. Parece que a Samsung ouviu os seus utilizadores e irá incorporar novamente essa tão admirada característica.

Novo smartwatch deverá ser o Galaxy Watch 2

Há dias, este gadget passou pela entidade reguladora americana FCC. Lá ficou comprovado que o novo smartwatch da Samsung virá com diâmetros de 41mm e 45mm, o que faz dele maior que qualquer uma das versões do Galaxy Watch Active 2.

Juntando a incorporação de um aro rotativo, parece cada vez mais provável que o novo wearable seja o sucessor do Galaxy Watch, lançado em 2018. Será um equipamento mais vocacionado para a estética e mais consonante com uma indumentária mais clássica.

A revelação deste gadget deverá ocorrer em agosto, aquando da apresentação dos Galaxy Note 20. Além disso, esse evento pode trazer-nos o Samsung Galaxy Fold 2 e o novo tablet Galaxy Tab S7.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.