samsung-note-7

Após termos noticiado que a Samsung poderia vir a desvendar as causas das estranhas explosões do Galaxy Note 7, algo que ainda não aconteceu, vemos hoje as descobertas da Instrumental. Apesar de ainda não ter sido reconhecida a causa oficial, o problema pode já ter sido desmistificado.

Vê também: Já sabemos qual é a causa dos problemas na bateria dos iPhone 6s

   

Mas bem, vamos ao que interessa. As baterias possuem duas camadas de polímeros com electrólitos que possuem a função de separar uma camada positiva do óxido de lítio/cobalto, de uma camada negativa composta por grafite e caso essas duas camadas se encontrassem os eletrólitos iriam aquecer e assim se poderia dar as tão famosas explosões. A fonte de energia de qualquer equipamento é sempre um ponto sensível e a elegância deste Galaxy Note 7 pode ter sido o seu “calcanhar de Aquiles”.

O que poderá ter causado este efeito nos Galaxy Note 7?

O Galaxy Note 7 possui de facto um problema no seu desenvolvimento, o simples facto de ter deixado muito pouco espaço entre a sua bateria e o "berço" que a envolve e também entre ela e o seu painel traseiro. Ora, este painel traseiro ficava precisamente apoiado em cima da bateria, não deixando qualquer margem para pequenos movimentos, qualquer pressão que pudesse surgir seria o suficiente para desencadear uma reação em cadeia.

Para veres ao pormenor cada medida basta analisares a imagem abaixo do Galaxy Note 7, cortesia da instrumental (fonte).

Note 7

Resumindo, uma vez que existia muito pouco espaço no compartimento da bateria do Galaxy Note 7, qualquer pressão por mais pequena que fosse poderia vir a desencadear uma explosão. A culpa costuma morrer solteira mas, neste caso, creio que a pressão em colocar um concorrente ao iPhone 7 no mercado, antes que este fosse sequer anunciado pode ter ferido gravemente a Samsung.

Sendo a Samsung a empresa que é, possuindo anos de conhecimento, desenvolvimento e liderança, estes problemas são simplesmente inadmissíveis e tudo isto poderá ter sido causado apenas pela pressa da marca em lançar o seu flagship Galaxy Note 7 antes do iPhone 7. Contudo, vemos a sua rival a fazer algo semelhante, colocar o design e aparência à frente da funcionalidade... Mas e tu, qual é a tua opinião acerca desta descoberta?

Talvez queiras ver:

Motorola: Especificações e design dos próximos Moto G5 e Moto G5 Plus

BLU remove software que enviava dados para a China

Hoje: “Podcast 4gnews 129: Moto G5 rumores, CyanoGen problemas, Futuro Apple e mais”