Qualcomm 5G 7nm Samsung Galaxy S9 rede social
Para além de dois novos topos de gama a fabricante sul-coreana pode ter mais surpresas.

Depois de aqui termos avançado que a sul-coreana já estava a investir (bastante) na próxima grande evolução no processo de construção de processadores, eis as novidades! Agora, em comunicado à imprensa, a Samsung anuncia a sua parceria com a norte-americana Qualcomm. Parceria que colocará ambas as gigantes em estreita cooperação para alcançar as novas velocidades 5G e os novos processadores a 7nm (nanómetros).

O anúncio dedica longas linhas e cuidadosos parágrafos à extensão da parceria, já com uma década, focando-se daqui em diante no ultra-violeta. Sim, no EUV (extreme ultra violet), tecnologia utilizada na nova litografia (construção de processadores) a 7nm LPP (Low Power Plus).

Vê ainda: Galaxy S9. Leak de imagens revela as últimas surpresas!

Esta tecnologia a 7nm LPP (Low Power Plus) será agora utilizada para construir novos chips, componentes, modems e processadores da Qualcomm. Todos estes componentes visarão já o suporte da conexão 5G, o próximo padrão para as velocidades de telecomunicações.

Agora, tanto a Samsung como a Qualcomm comprometem-se a expandir o seu investimento na produção de chips e semi-condutores. Tudo isto para que em breve possam surgir os primeiros componentes como processadores a 7nm (os atuais utilizam o padrão de 10nm). Celebra-se hoje uma importante parceria que nos coloca um pouco mais próximos da realidade 5G.

Samsung e Qualcomm, colaboração com o 5G e os 7nm em mente

Note-se que tanto a Samsung como a Qualcomm já há muito que têm colaborado em várias ocasiões. Particularmente na construção de processadores a 14nm e mais recentemente a 10nm. A troca de informações. O desenvolvimento mútuo de novos processos de construção e a otimização de recursos. Conhecimento precioso que tem unido estas duas gigantes. Agora “Estamos entusiasmados por continuar a expandir a nossa relação de proximidade e colaboração com a Qualcomm Technologies nas tecnologias 5G, utilizando o nosso processo EUV”. Declarações de Charlie Bae, responsável pelo departamento de vendas e marketing na Samsung.

Sabemos também, pelo comunicado da Samsung, que os processadores / plataformas móveis Qualcomm Snapdragon já preparados para 5G serão ainda menores. As suas dimensões físicas serão cada vez menores, algo que será possível devido à utilização da construção a 7nm potenciada pelo processo da Samsung.

Samsung estreita a sua parceria com a Qualcomm

7nm 5G Samsung Exynos 9810 como o Qualcomm Snapdragon 845 Qualcomm Snapdragon 845 2
Este será o próximo “motor” dos grandes lançamentos de 2018, o SD 845

Isto possibilitará às fabricantes um maior aproveitamento do espaço interno dos smartphones. Seja para colocar uma bateria com maior capacidade. Seja para criar smartphones mais finos e elegantes. Acima de tudo, os novos processadores da Qualcomm, já preparados para o 5G e construídos com a litografia de 7nm serão mais poderosos e consumirão menos energia.

Note-se ainda que o processo de construção a 7nm desenvolvido pela Samsung deverá ser ligeiramente superior ao da rival TSMC (empresa sediada em Taiwan e dedicada à procução de semi-condutores). O desenvolvimento da tecnologia / litografia EUV (extreme ultra violet) deverá superar a lei de Moore e abrir caminho para novas escalas e métodos de produção dos semi-condutores.

Segundo a própria sul-coreana Samsung, o seu processo 7LPP EUV para componentes a 7nm, permitirá não só o desenvolvimento rápido de chips 5G. Reduzirá também a complexidade de todo o processo. Com menos etapas intermédias comparativamente ao seu atual processo de 10nm FinFET.

A Samsung promete também que o processo a 7nm trará um aumento de 40% no aproveitamento da área ocupada. Trará também uma melhoria de 35% na eficiência energética (consumo de energia). Por último, terá um aumento de 10% na performance.

Opiniões?

Assuntos relevantes na 4gnews:

Samsung Galaxy S8 volta a receber o Android Oreo 8.0

Samsung. Apple iPhone X é a fonte de novas preocupações

Qualcomm apresenta um novo motor de inteligência artificial

Fonte | Via

Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).