Home Android

Samsung Galaxy S9 dificilmente terá problemas de memória interna

A Samsung já está a produzir em massa os primeiros módulos de 512GB de armazenamento interno e o próximo topo de gama da tecnológica sul-coreana poderá estrear este novo "chip".

Samsung Galaxy S9 Samsung Galaxy Note 8 espaço problemas
A nova geração de topos de gama herdará alguns dos traços do Note8 © Reuters

Segundo os novos rumores avançados pela Digital Trends, o Samsung Galaxy S9 e Galaxy S9+ podem até podem ter muitos problemas. Contudo, o armazenamento interno e a falta de espaço não será um deles! Depois de aqui termos anunciado em primeira mão que a tecnológica sul-coreana já estaria a produzir o primeiro módulo de 512GB de armazenamento interno, eis que surgem novos desenvolvimentos.

Na altura parecia bom demais para ser verdade. Os Samsung Galaxy S9 tornar-se-iam em pequenas drives externas com tanta capacidade como alguns discos rígidos. Agora, com o aproximar do seu lançamento, os rumores começam a adensar-se. Este último vem sugerir isso mesmo, a aplicação dos novos módulos de memória nos sucessores dos Galaxy S8 e S8+.

Vê ainda: Samsung pode mudar o mundo com estas 3 inovações já em 2018

Com efeito, a Samsung deverá anunciar em breve o seu próximo topo de gama, o seu próximo flagship na gíria tecnológica. Até agora os rumores têm sido consistentes numa coisa. O seu design. Este deverá ser muito semelhante ao do seu antecessor, prometendo surpreender no seu interior. Seja na câmara fotográfica como na performance, as grandes surpresas estarão dentro do dispositivo.

Samsung Galaxy S9 dificilmente terá problemas de espaço

Importa frisar que, apesar de já ter começado a produzir este componente em massa, a Samsung nunca frisou que o iria utilizar já no Galaxy S9. Contudo, tratando-se de um módulo de memória flash que pode ir até aos 512GB de armazenamento, tal eliminaria os problemas com falta de espaço.

A marca apresentou este módulo de memória no dia 5 de dezembro, tal como aqui se podem inteirar. Desde então já estará a produzir este chip em grandes quantidades. Agora, com o aproximar da sua nova apresentação é impossível não fazer as ligações. Se o módulo é destinado para dispositivos móveis e smartphones, se a Samsung estará prestes a anunciar os Samsung Galaxy S9…

problemas Samsung Galaxy S9 Galaxy S8
A gigante sul-coreana já começou a produção em massa do seu novo processador e dos módulos de memória

O novo módulo de memória flash é composto por por oito chips Samsung V-NAND de 64 layers (camadas) e 512GB e por um controlador. Todos sobrepostos entre si. Desta forma, a nova Memória Flash Universal (UFS) de 512GB da empresa sul-coreana duplica a densidade das anteriores Memórias Flash Universal integradas de 256GB baseadas em chips V-NAND de 48 layers (camadas). Na prática ocupa o mesmo espaço físico ocupado pela solução de 256GB, o anterior recordista.

A nova eUFS de 512GB da Samsung disponibiliza atualmente a melhor solução integrada de armazenamento destinada à próxima geração de smartphones premium. Ao ultrapassar as eventuais limitações de desempenho do sistema com a utilização de cartões Micro SD”.

Produção do componente terá começado no início de dezembro

Disse Jaesoo Han, Vice-Presidente Executivo da área de Memory Sales & Marketing (Vendas e Marketing de Memórias) na Samsung Electronics. “Com o fornecimento antecipado e estável desta avançada solução de armazenamento integrado.

A Samsung está a dar um grande passo no contributo para o lançamento oportuno da próxima geração de dispositivos móveis em todo o mundo.” – acrescenta Han. Ora, por próxima geração de dispositivos móveis premium só nos ocorre um nome, os Samsung Galaxy S9.

Os novos topos de gama da gigante sul-coreana já estarão a ser produzidos em massa. O calendário assim o obriga. Tudo isto para que estejam prontos para a sua apresentação nos últimos dias de fevereiro. A marca voltará desta forma a apresentar os seus topos de gama durante a Mobile World Congress depois do atraso com os Galaxy S8.

Espera-se que a sua chegada aos mercados ocorra poucos dias depois, nas primeiras semanas de março. Em seguida podemos ver um concept, um exercício de criatividade com base nos rumores em torno deste dispositivo.

As principais melhorias dos Samsung Galaxy S9 focar-se-ão na câmara fotográfica. Dupla no caso do Galaxy S9+ e una no Galaxy S9. Teremos também uma substancial melhoria da performance e desempenho. Isto devido à esperada utilização de uma nova geração de processadores Exynos, isto na variante europeia. Já a versão com destino ao mercado norte-americano usufruirá do novo Snapdragon 845 da Qualcomm.

Armazenamento interno não levantará problemas aos utilizadores dos Samsung Galaxy S9

O público poderá ter algumas dificuldades em discernir o novo Samsung Galaxy S9 e Samsung Galaxy S9+ dos seus antecessores, os Galaxy S8. De acordo com praticamente todas as fugas de informação até à data, as mudanças de design serão mínimas. Uma ligeira diminuição das margens ou bezels e nada mais.

As diferenças serão mais notórias no seu painel traseiro. Aí teremos uma nova posição, uma nova colocação do sensor de impressões digitais. Se até agora este sensor biométrico causava algum desconforto com a sua colocação, nos novos Galaxy S9 este deverá estar colocado bem ao centro. Logo abaixo da câmara ou câmaras principais.

Agora resta-nos esperar pelo início do segundo grande certame de tecnologia de 2018. Chama-se Mobile World Congress e lá deverão terminar os leaks e fugas de informação. Finalmente, com a apresentação oficial destes topos de gama.

E tu, o que esperas ver nos Samsung Galaxy S9? Será que o preço será o único dos seus “problemas”?

Assuntos relevantes na 4gnews:

Google – Modo Retrato já não é um exclusivo dos Google Pixel 2

Lenovo já tem um Android com ecrã 18:9 à imagem do OnePlus 5T

D€AL: Aproveita o Huawei Honor 9 por 274€ (Promocode limitado)

Viasamsung
FonteDigital Trends
Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).