s7-edge-explosa%cc%83o-1

A Samsung está numa situação complexa nos últimos tempos. Primeiro temos o problema das explosões do Samsung Galaxy Note7 e agora o primeiro processo aberto em tribunal por um utilizador que sofreu queimaduras de segundo e terceiro grau quando o seu Galaxy S7 edge explodiu no bolso.

Vê ainda: Samsung Galaxy Note 7 incendeia-se e destrói viatura

   

Aparentemente o smartphone estava em stand-by e entrou em combustão queimando o utilizador na perna de uma forma grave. Daniel Ramirez, depois de tratado e analisado a situação decidiu processar legalmente a empresa Sul-Coreana.

Acredites ou não esta é a primeira vez que a Samsung está a ser processada por este tipo de situações, mesmo depois de uma quantidade enorme de Notes 7 terem explodido enquanto carregavam.

s7-edge-explosa%cc%83o

Este modelo do S7 edge não é o primeiro a explodir. Tivemos uma situação idêntica também o mês passado com um modelo edge a explodir durante a noite, a grande diferença, é que desta vez o smartphone não estava a carregar e explodiu do nada.

Tudo aconteceu enquanto Daniel Ramirez trabalhava na construção da Amazon bookstore em Ohio. Aparentemente tudo foi muito rápido e a combustão fez com que as calças colassem (literalmente) na sua pele.

As fotografias são dolorosas só de olhar e honestamente começo-me a questionar um pouco sobre os testes de qualidade nos produtos da Sul-Coreana. Vamos ver no que isto vai dar.

Talvez queiras ver:

ViaPhonearena
Fonteclassaction

Fundador do projeto 4gnews, sempre olhei para a tecnologia como um pedaço de nós. Desde cedo ligado ao mundo tecnológico, este é literalmente o meu trabalho de sonho.
Amante de vinho e apaixonado pelo meu Vit. Guimarães, acredito ainda que todas as nossas acções são o gatilho para o nosso futuro.