galaxys7_calings

As novas estrelas da Samsung têm já alguns dias de vida, mas as suas novidades vão sendo esmiuçadas aos poucos. Desde sempre que soubemos que os Galaxy S7 e S7 Edge viriam para corrigir algumas lacunas dos seus antecessores e isso já foi notado com a inclusão de algumas funcionalidades, como o suporte a cartões microSD e a certificação IP68.

Mas aquilo de que te venho falar hoje é algo verdadeiramente inédito, pelo menos nos equipamentos da gingante Sul-Coreana. Em parceria com a empresa Whitepages, os novos flagships da Samsung possuem uma funcionalidade de reconhecimento automático de chamadas.

   

Quantas vezes nos deparamos com as chatas chamadas de empresas publicitárias ou até aquelas típicas chamadas de “ai e tal foi selecionado para receber um prémio”. Pois bem, é precisamente aqui que a Samsung quer atacar com os seus novos smartphones.

Vê também: A nova tecnologia Dual Pixel autofocus do Galaxy S7 e S7 edge

Whitepages-Galaxy-S7-1

Quando receberes uma chamada cujo remetente não é do teu conhecimento, o teu Galaxy S7 irá cruzar esse mesmo número com a extensa base de dados da empresa Americana e, em caso compatível, alertar-te-á para o facto de ser uma chamada potencialmente fraudulenta. Mas até que ponto funcionará corretamente esta filtragem para o caso das chamadas com proveniência anónima?

Sendo a Whitepages uma empresa Americana, esta funcionalidade funcionará em pleno naquele mercado, mas até que ponto funcionará corretamente fora daquela região, pelo menos nos primeiros tempos? Tal poderá ser melhorado gradualmente, uma vez que será ainda possível reportares os remetentes que bem entenderes, ajudando assim a melhorar ainda mais a base de dados da Whitepages.

Num momento inicial, esta funcionalidade irá ficar disponíveis num total de 16 países, de entre os quais Portugal não se incluiu. Existe sempre a possibilidade de esta nova funcionalidade vir a ser estendida para o nosso país, mas só o futuro o dirá.

Talvez queiras ver: