Samsung Galaxy S21 Ultra deve desiludir num pequeno pormenor

Bruno Coelho
Comentar

Numa altura em que a Xiaomi lançou um smartphone com carregamento de 120W (o Mi 10 Ultra), a guerra dos números continua mais acesa que nunca. Isto porque são muitas as fabricantes a lutar pelo posto mais alto do carregamento rápido.

A líder de mercado mobile em Portugal e mundial, Samsung, parece querer jogar pelo seguro nos seus próximos topos de gama. E isso pode desiludir os mais entusiastas.

Samsung Galaxy S21 devem manter-se com carregamento de 45W

De acordo com o reputado leaker em assuntos Samsung, Ice Universe, os Samsung Galaxy S21 não irão suportar carregamento de 65W. Embora alguns rumores apontassem nesse sentido, estes devem manter-se pelos 45W.

It is impossible for the Galaxy S21 series to support 65W charging and still maintain 45W. No matter where you see someone saying that the S21 supports 65W, it is wrong. Except for conventional processor upgrades, it can be said that S21 has no breakthroughs.

— Ice universe (@UniverseIce) 11 de outubro de 2020

Esta fonte refere mesmo que “à exceção das atualizações de processador convencionais, pode dizer-se que o S21 não terá grandes novidades”. O que significa que podemos ter apenas uma aposta na continuidade.

Recorde-se que, mesmo com 45W, será garantida uma velocidade de carregamento bastante competente. E não deixará de ser batida a velocidade prevista de 20W para os iPhone 12.

Se velocidade for a tua praia, é de esperar que a Xiaomi possa lançar um smartphone que vá suceder neste sentido ao Mi 10 Ultra para a Europa. Mas a Samsung não deverá concentrar-se nesse ponto, pelo menos na próxima geração.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.