Samsung Galaxy S21 Ultra desilude nos testes feitos à sua câmara pela DxOMark

Carlos Oliveira
Comentar

A DxOMark, entidade independente que avalia câmaras e outros quesitos dos smartphones, publicou finalmente a sua análise à câmara do Samsung Galaxy S21 Ultra. As suas conclusões estão longe de corresponder à expectativa formada em torno deste topo de gama.

O novo topo de gama da sul-coreana amealhou uma pontuação final de 121 pontos. Este valor coloca o equipamento 17º posto da hierarquia da DxOMark, bastante longe dos desejados lugares cimeiros.

Galaxy S21 Ultra

Samsung Galaxy S21 Ultra não conseguiu superar os resultados do Galaxy S20 Ultra

Mais difícil para a Samsung será assimilar que o Samsung Galaxy S21 Ultra nem sequer conseguiu superar o modelo do ano passado, o Galaxy S20 Ultra. Ou seja, a tecnológica sul-coreana deu um passo atrás no que concerne à qualidade fotográfica dos seus topos de gama.

O resultado final obtido pelo Samsung Galaxy S21 Ultra foi comprometido pela sua prestação no quesito do zoom (76) e no vídeo (98). Estes dois parâmetros ficaram-se baixo do que havia sido registado pelo seu antecessor, ao passo que a fotografia obteve os mesmos valores (128).

As duas lentes dedicadas ao zoom não cumpriram com as expectativas criadas, com a DxOMark a apontar falhas no detalhe preservado. As texturas não parecem naturais e essa ponto foi claramente penalizador para o novo topo de gama da Samsung.

Já o vídeo será provavelmente o ponto mais embaraçador para o Samsung Galaxy S21 Ultra. Os 98 pontos arrecadados colocam-no a par do Google Pixel 4a, um equipamento que custa cerca de um terço do modelo em destaque nesta análise.

Ainda assim, a DxOMark não se coibiu de destacar as qualidades de focagem automática da câmara e o seu alcance dinâmico. Os 60fps são outro ponto favorável ao Samsung Galaxy S21 Ultra e que impede que os resultados sejam ainda menores.

Em suma, o Samsung Galaxy S21 Ultra apresenta-se como uma desilusão, tendo em conta as conclusões apresentadas pela DxOMark. Apesar de ser um bom smartphone para fotografia, não está ao nível dos modelos premium do mercado, muitos deles lançados em 2020.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.