Samsung Galaxy S11: prepara-te para um ecrã incrível de 120Hz

Filipe Alves
Comentar

Com o lançamento do OnePlus 7 e Google Pixel 4 com um ecrã de 90|Hz de refresh rate a Samsung vê-se quase obrigada a acompanhar. Parece que tal acontecerá com o Samsung Galaxy S11.

De acordo com o tipster @IceUniverse, que já se revelou correto inúmeras vezes no passado, a Samsung está a preparar o Galaxy S11 com um ecrã de refresh rate de 90Hz ou 120Hz.

O que significa isto para o ecrã do Samsung Galaxy S11

Infelizmente não é possível ver esta refresh rate num vídeo. Ou seja, só sentirás a verdadeira fluidez do equipamento assim que pegas no smartphone.

Este refresh rate significa que terás uma impressão de maior fluidez na imagem. De forma simples, é basicamente o mesmo que veres vídeos de 30fps e de 60fps. Embora a resolução seja basicamente a mesma, como capta mais imagens por segundo as imagens parecem mais fluidas e, consequentemente, parece ter mais qualidade.

Samsung Galaxy S11

A Samsung tem tudo para fazer um ecrã destes

Visto que é a Samsung que fornece os ecrãs à OnePlus, escusado será dizer que esta tecnologia é mais do que exequível para a empresa asiática.

Contudo, é preciso ter em conta que este tipo de ecrã tem um valor um pouco acima do normal. Ou seja, é provável que o valor do Galaxy S11 possa também subir.

No Galaxy Note as vantagens seriam maiores

Ainda assim, temos de perceber para que queres estes 120Hz. Enquanto no Samsung Galaxy S11 te ia dar uma sensação de maior fluidez no Note faria maravilhas. Isto porque a SPen seria mais assertiva que nunca.

Ainda é cedo para ter as certezas que queremos. O Galaxy S11 será revelado de forma oficial no início do próximo ano e até lá certamente teremos mais informações sobre o assunto.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.