Samsung Galaxy Note 10 poderão ser mais baratos que o inicialmente previsto

Carlos Oliveira
Comentar

Falta menos de uma semana para que os novos Samsung Galaxy Note 10 sejam revelados. A poucos dias desse momento, eis que temos novas informações relativas aos seus preços para a Europa.

De acordo com Ishan Agarwal, os novos topos de gama da sul-coreana terão um preço de venda em linha com os praticados nos Galaxy S10, aquando do seu lançamento.

Estes deverão ser os preços dos Samsung Galaxy Note 10

  • Samsung Galaxy Note 10 com 256GB - 949€
  • Samsung Galaxy Note 10+ com 256GB - 1099€
  • Samsung Galaxy Note 10+ com 512GB - 1199€

Note 10

Importa notar que rumores anteriores apontavam para valores de 999€ para o Galaxy Note 10 e 1149€ para o Note 10+. Caso os dados que hoje são revelados se confirmem, serão menos 50€ em cada um dos modelos visados.

Ainda assim, isso não significa que estejamos perante valores elevados para um smartphone. Pagar quase 1000€ por um produto deste género continua a ser demasiado, mas enquanto estes continuarem a vender, as marcas não têm razões para baixar os preços que estão a praticar.

O que podemos esperar dos Galaxy Note 10

Os novos membros da família Note irão seguir as pisadas dos Galaxy S10 no seu design. Estamos falar de um ecrã curvo nas laterais e praticamente sem margens na parte superior e inferior.

Na traseira, a Samsung irá optar por uma orientação vertical para as suas câmaras. O modelo Note 10 virá com três lentes, ao passo que a variante Plus adicionará uma lente ToF à configuração.

Outra das diferenças entre os dois modelos a serem revelados reside na dimensão do seu ecrã. O modelo normal virá com uma tela de 6.3 polegadas, ao passo que a variante Plus trará uma diagonal de 6.7 polegadas.

Todos os pormenores serão revelados no dia 7 de agosto, data em que a Samsung irá oficializar os seus mais recentes topos de gama. Até lá, poucas dúvidas irão restar relativamente a estes smartphones.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.