Samsung Galaxy Fold. Smartphone dobrável chega ao Brasil com preço salgado

Bruno Coelho
Comentar

A Samsung continua empenhada em levar o seu primeiro smartphone dobrável a mais mercados, quase um ano depois do seu anúncio oficial. O dispositivo chega esta semana ao Brasil, mas o preço é ainda mais salgado do que seria de esperar: 12,999 reais – cerca de 2800 euros.

A partir desta quinta-feira (17), os utilizadores que assim desejem já se podem pré-registar para comprar o dispositivo e testá-lo nas lojas físicas da Samsung. Este fica disponível para compra a partir de dia 22 de janeiro, em exclusivo na Cosmos Black.

Samsung Galaxy Fold

O Galaxy Fold já não é um smartphone para todas as carteiras. No entanto, chega ao Brasil com um preço quase 50% superior ao normal. Para se ter uma noção, o dobrável chegou a Portugal Por 2049 euros, e será vendido no Brasil por um valor equivalente a 2798 euros.

Devido às taxas, comprar um smartphone topo de gama de é bastante complicado no Brasil. E se o Galaxy Fold já não era um dispositivo para todas as carteiras, a escalada de preço torna-o ainda menos acessível.

E sim, estamos a falar de um Galaxy Fold com as mesmas características com que foi lançado por cá. Um ecrã de AMOLED e 7.3 polegadas quando aberto, e um ecrã de 4.6 polegadas quando fechado. O processador é o Snapdragon 855, e conta com 512GB de armazenamento e 12GB de RAM.

Quando juntamos as suas baterias, conta com uma capacidade total de 4380mAh. De ressalvar que o dispositivo ainda conta com Android 9, não sendo conhecida a data de chegada do Android 10.

Galaxy Fold já vendeu quase 500 mil unidades globalmente

Apesar do preço, a Samsung já afirmou ter vendido perto de 500 mil Galaxy Folds durante 2019. Resta saber se o preço de 12,999 reais vai atrair os consumidores brasileiros a comprar o dobrável.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.