Samsung: dois próximos smartphones que prometem ser um sucesso vão chegar em março e abril

Mónica Marques
Comentar

A crise global de componentes tem obrigado as marcas a alterar os seus planos de lançamento, situação que a Samsung conhece bem e que irá repetir em 2022.

Agora fala-se de que os próximos sucesso da marca, o Galaxy A53 e o Galaxy A73, vão chegar em março e abril, respetivamente, em vez de serem lançados no mercado em simultâneo.

Samsung Galaxy A53 chega em março e Samsung Galaxy A73 em abril

It's weird to see Samsung preparing to release the Galaxy A73 a month after the A53. Hopefully this delay means it will be available in more countries pic.twitter.com/ANuqNp7ihY

— Anthony (@TheGalox_) 4 de fevereiro de 2022

Em 2021, a Samsung alterou o seu plano de lançamentos de tal forma que o terminal Galaxy S21 FE apenas foi lançado no início deste ano. E,ao que tudo indica, também os planos de lançamentos para 2022 estão já a sofrer alterações nas suas previsões.

As mudanças acontecem já no lançamento dos próximos smartphones que prometem fazer muito sucesso juntos dos utilizadores. Falamos dos terminais Galaxy A53 e Galaxy A73. Habitualmente, a gigante sul-coreana disponibiliza as duas séries em simultâneo, mas não é isso que vai acontecer com os dois novos terminais.

De acordo com informações agora divulgadas, o Galaxy A53 tem chegada prevista ao mercado no mês de março e só passado um mês é que o Galaxy A73 será lançado. Na origem das alterações aos planos iniciais estará a já demasiado longa crise global de componentes que levanta vários obstáculos e desafios às fabricantes de telemóveis.

Especificações esperadas no Samsung Galaxy A53

Entretanto, algumas das especificações do modelo Galaxy A53 foram já reveladas no mundo Web. Assim, espera-se que o terminal esteja equipado com o processador Exynos 1200 que integra dois núcleos a 2,4 GHz e seis núcleos mais pequenos a 1,8 GHz.

O modelo vai também incluir um ecrã AMOLED de 6,5 polegadas com uma resolução de 2400 x 1080 pixéis e uma taxa de atualização de 120 Hz. Na memória RAM vai disponibilizar as capacidades de 6 ou 8 GB enquanto que o armazenamento interno será de 128 GB.

A alimentar o Galaxy A53 estará uma bateria robusta de 5000 mAh com suporte para carregamento rápido de 25 watts. Sobre o preço com que poderá chegar, não há ainda informações disponíveis.

O que já sabemos sobre o Samsung Galaxy A73

Por sua vez, o Galaxy A73 terá aos comandos o processador Snapdragon 750G com suporte para comunicações 5G. Terá também 8 GB de RAM e 128 GB de armazenamento interno. A alimentar o terminal estará a mesma bateria robusta de 5000 mAh, mas aqui o carregamento rápido é maior com 33 watts.

Estará também equipado com um ecrã AMOLED de 6,7 polegadas com resolução Full HD+ e vai executar Android 12 sob a interface One UI.

Na parte ótica, vai contar com uma configuração de câmara tripla com um sensor primário de 108 megapixéis, um sensor telefoto de oito megapixéis com zoom ótico de 3X e um terceiro sensor macro com uma resolução de cinco megapixéis.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.